Mudanças entre as edições de "Apoie as favelas na luta contra o Coronavírus"

De Dicionario de Favelas Marielle Franco
Ir para: navegação, pesquisa
Linha 11: Linha 11:
  
 
== Zona Norte  ==
 
== Zona Norte  ==
 +
  
 
=== Complexo do Alemão ===
 
=== Complexo do Alemão ===
Linha 68: Linha 69:
  
 
[[File:Favela Art.png|thumb|center|300px|Favela Art.png]]
 
[[File:Favela Art.png|thumb|center|300px|Favela Art.png]]
 +
 +
==== #TodosPeloAlemão ====
 +
 +
*'''Organização:''' 8 projetos unidos em torno de um só propósito: construir um novo futuro para o Complexo do Alemão. 
 +
*'''Quem participa'''? Creche Algodão Doce; Espindola Team; Favela Art; Novo Complexo do Alemão (NCA); Na Ponta dos Pés; GatoMídia; Projeto Paloma; Ritmo do Complexo
 +
*'''Doações:''' '''[https://benfeitoria.com/todospeloalemao aqui]'''
  
 
==== Abraço Campeão ====
 
==== Abraço Campeão ====
  
 
*'''Organização:''' [https://bit.ly/2JfpLtq '''Abraço Campeão'''], uma organização comunitária sediada no Complexo do Alemão que, desde 2014, tem inspirado crianças e jovens por meio das artes marciais, integradas à educação e ao desenvolvimento pessoal. O Abraço Campeão está aceitando doações financeiras para a compra de materiais como água, sabão, desinfetante para as mãos e alimentos para as famílias do Complexo do Alemão.  
 
*'''Organização:''' [https://bit.ly/2JfpLtq '''Abraço Campeão'''], uma organização comunitária sediada no Complexo do Alemão que, desde 2014, tem inspirado crianças e jovens por meio das artes marciais, integradas à educação e ao desenvolvimento pessoal. O Abraço Campeão está aceitando doações financeiras para a compra de materiais como água, sabão, desinfetante para as mãos e alimentos para as famílias do Complexo do Alemão.  
*'''Doações:''' '''[https://bit.ly/2WGjWNh aqui]'''  
+
*'''Doações:''' '''[https://bit.ly/2WGjWNh aqui]'''
  
 
=== Chapadão ===
 
=== Chapadão ===

Edição das 12h54min de 29 de junho de 2020

A equipe do Dicionário de Favelas Marielle Franco está comprometida com o enfrentamento ao Coronavírus nas favelas e periferias. A proposta é visibilizar as demandas específicas que as favelas tem diante da pandemia. Reunimos diversas informações, textos, entrevistas, materiais desenvolvidos pelos moradores e coletivos locais. Você pode acessar os conteúdos clicando aqui.

Além disso, reunimos aqui algumas iniciativas de coletivos locais das favelas de coleta de alimentos, ítens de higiene pessoal, água mineral ou doações em dinheiro para enfrentar esse momento difícil. Quer saber mais? Leia a matéria! Não deixe de contribuir, é muito importante o fortalecimento das redes de solidariedade nesse momento de tanta dificuldade. 

Índice

Rio de Janeiro

Mapa #CoronaNasPeriferias, por Instituto Marielle Franco

Um mapa para dar visibilidade às iniciativas de combate contra o coronavírus nas favelas e periferias do Brasil.

Corona nas Periferias.jpg

Para ter acesso ao mapeamento, clique aqui!

Zona Norte 

Complexo do Alemão

Juntos pelo Complexo do Alemão

  • Tipo de ação: No Alemão, vários coletivos e lideranças se reuniram, desde 2013, para acompanhar, comunicar, pressionar, exigir e denunciar questões relevantes para o desenvolvimento do Complexo do Alemão, desde de 2013. Agora juntos mais uma vez contra o coronavírus. Doações para algumas frentes de atuação: desde produção de material direto para divulgação nas ruas, até conseguir água, álcool gel, alimentos e outras formas de conter a proliferação do coronavírus
  • Quem está envolvido: Coletivo Papo Reto; Voz das Comunidades; MEAA - Mulheres em Ação do Alemão; Educap; Ocupa Alemão; Instituto Raízes em Movimento.
  • Como ajudar esta ação? Você pode fazer doações de qualquer valor na vaquinha clicando aqui
  • Saiba mais clicando aqui

Imagem de divulgação do Coletivo

Você também pode fazer doações em dinheiro para cada uma das instituições envolvidas no coletivo separadamente: 

Instituto Raízes em Movimento

  • Para saber mais sobre o Raízes, clique aqui e aqui!
  • Para doar:  CNPJ: 06.985.542/0001-47 | Banco Bradesco | Agência: 2043 | Conta: 36614-5 | Tipo: Conta-Corrente
  • Outra forma de doar é pelo Benfeitoria. Clique aqui para doar
  • Contato: raizesemmovimento.comu@gmail.com | 21 99311-9672

Associação Coletivo Papo Reto

  • Para saber mais sobre o Papo Reto, clique aqui.
  • Para doar:  CNPJ: 33.517.057/0001-11 | Banco Santander | AG: 0925 | CC: 13001139-8
  • Contato: comunicapprt@gmail.com | 21 98501-2080

ONG Voz das Comunidades

  • Para saber mais sobre o Voz das Comunidades, clique aqui
  • Para doar: CNPJ 21.317.767/0001-19 | Caixa Econômica Federal | Agência: 0198 | Conta Corrente: 3021-2 - Operação: 03 
  • Contato: contato@vozdascomunidades.com.br

EDUCAP - Espaço Democrático de União, Convivência, Aprendizagem e Prevenção

  • Para saber mais sobre o EDUCAP, clique aqui.
  • Para doar:  CNPJ: 14.537.014/0001-53 | CAIXA ECONÔMICA FEDERAL ( BANCO Nº 104) | Agência:1095 | Conta:00001445-7
  • Contato 21-988323246
  • Para doar em mantimentos, falar com Lúcia pelo 21-988323246 – Rua Canitar s/n Campo do Sargento Inhaúma. 

Escola Quilombista Dandara de Palmares / Ocupa Alemão

  • Para saber mais sobre a escola, clique aqui.
  • A escola recebe doações em dinheiro ou em mantimentos. 
  • Para doar em dinheiro: Banco Itaú | Leonardo C de Souza | CPF: 115.298.377-66 | Agência: 0778 | Conta: 11505 5
  • Para doar em mantimentos, contatar a escola. 
  • Contato: Léo - 21 98962-9804

Casa Voz

  • Para saber mais sobre, clique aqui.
  • Contato para doações: Marcella - 21 96463-2334

Projeto Favela Art

  • Sobre o projeto: O projeto Favela Art é um projeto social artístico criado pela empreendedora social e arte-ativista Mariluce Mariá Souza, moradora do Complexo do Alemão. Ao participarem do projeto, todas as crianças e jovens produzem telas inspiradas na paisagem das favelas cariocas e do Rio de Janeiro, aprendendo habilidades artísticas que ajudam na socialização com outras crianças e auxiliam em seu desenvolvimento. Um dos principais êxitos do Favela Art foi retornar crianças que abandonaram a escola para as salas de aula. Estão auxiliando as famílias com o cadastro no auxílio emergencial e doando cestas, roupas, livros e produtos de higiene. 
  • Quem organiza: Coletivo Favela Art
  • Como doar: para doar, acesse a vaquinha e doe qualquer valor, clicando aqui
  • Contato: Facebook, clique aqui
Favela Art.png

#TodosPeloAlemão

  • Organização: 8 projetos unidos em torno de um só propósito: construir um novo futuro para o Complexo do Alemão. 
  • Quem participa? Creche Algodão Doce; Espindola Team; Favela Art; Novo Complexo do Alemão (NCA); Na Ponta dos Pés; GatoMídia; Projeto Paloma; Ritmo do Complexo
  • Doações: aqui

Abraço Campeão

  • Organização: Abraço Campeão, uma organização comunitária sediada no Complexo do Alemão que, desde 2014, tem inspirado crianças e jovens por meio das artes marciais, integradas à educação e ao desenvolvimento pessoal. O Abraço Campeão está aceitando doações financeiras para a compra de materiais como água, sabão, desinfetante para as mãos e alimentos para as famílias do Complexo do Alemão.
  • Doações: aqui

Chapadão

Ocupação Força do Povo no Chapadão (RJ)

  • O que é? Pedido de solidariedade: a Ocupação Força do Povo, no Complexo do Chapadão (RJ), está precisando urgentemente de doações de máscaras, materiais de limpeza e alimentos. São 42 famílias em um local que ainda não conta com rede de água, esgoto e luz. Esse contexto de emergência sanitária e crise econômica tem impossibilitado as/os moradoras/es da ocupação de trabalharem. O pedido de ajuda veio de uma liderança comunitária, que se comprometeu a comprar os insumos e distribuir na ocupação.
  • Quem organiza? Ocupação Força do Povo
  • Como ajudar? Para ajudar, clique aqui

Favela do Triângulo

Favela do Triângulo contra o COVID

  • O que é a ação: O projeto Violeta é formado por um grupo de amig@s com o objetivo de ajudar as famílias da Favela do Triângulo (Rio de Janeiro) com cestas de alimentos e kits de higiene pessoal e limpeza. Com a pandemia do novo coronavirus, a situação do Triângulo se agravou, sendo cada vez mais urgente esforços que ajudem @s morador@s a enfrentar a pandemia e as condições de vida precárias, garantindo minimamente o acesso alimentos e produtos de limpeza. 
  • Como ajudar: Clique aqui para doar!

Maracanã

Aldeia Maracanã

  • Organização: Aldeia Maracanã, um polo de resistência indígena no Rio, que fica ao lado do Estádio do Maracanã. É um espaço comunitário e de referência para o movimento indígena. A aldeia está arrecadando doações para garantir água, alimentos, produtos de limpeza e remédios para seus moradores durante a quarentena.
  • Doações: aqui

Costa Barros

Visão Restaurar

  • Organização: Visão Restaurar, uma escolinha de futebol para jovens e crianças em Costa Barros, que está recebendo doações diretas de cestas básicas.
  • Doações: Os itens podem ser entregues em sua sede (Rua Maria José Mynssen, Conjunto Tom Jobim – Pavuna) e contribuições financeiras podem ser feitas entrando em contato com Felipe Rocha, pelo telefone (21) 979196583.

Serrinha

Avante Serrinha

  • Organização: A campanha Avante Serrinha, puxada pela Companhia de Aruanda, um coletivo artístico e cultural da Serrinha e arredores, está arrecadando alimentos e material de limpeza e de higiene pessoal para moradores do Morro da Serrinha.
  • Doações: aqui

Complexo da Penha

Cooperativa Transvida

  • Organização: Cooperativa Transvida, formada por dezenas de catadores trabalhando desde 2011 com a coleta de materiais recicláveis no Complexo da Penha. Além de gerar renda para suas famílias, buscam com o seu trabalho estimular a educação ambiental nas favelas. São membros ativos da Rede Favela Sustentável do Rio de Janeiro. Os catadores estão com suas atividades suspensas por causa do risco de contaminação dos resíduos. Estão em busca de apoio para a compra de produtos de limpeza e alimentos básicos para proteger as famílias da fome.
  • Doações: aqui

Agua é um direito

  •  O que é a ação? O acesso à água potável é um direito de todos. Nas favelas do Complexo da Penha, moradores passam mais de um mês sem água por falta abastecimento da CEDAE. Isso nas favelas que tem encanamento e recebem abastecimento de água. Ao mesmo tempo, estamos no último maciço verde da Zona Norte, a Serra da Misericórdia, que já foi chamada de Serra Chorona, pelo grande número de nascentes no Morro. Temos água, mas não temos como armazená-la para garantir que não falte água para a população. Garantir água potável para as pessoas é uma questão de soberania alimentar, saúde e bem viver. Queremos construir uma cisterna de 20 mil litros, semelhante às cisternas do semi-árido. A água servirá tanto para consumo, quanto para a irrigação, ampliando o plantio nos quintais e hortas da Serra da Misericórdia. Assim, promovemos o cuidado com a saúde e higiene, e ainda a produção de alimentos saudáveis para alimentar e fortalecer a imunidade das famílias. Todas os doadores terão o nome registrado em uma placa na cisterna, no site do Arranjo Local Penha e nas postagens de agradecimento nas nossas redes sociais.
  • Ações desenvolvidas: 
    • Prover água para famílias sem acesso à água encanada, contribuindo com a autonomia de água nas casas;
    • Garantir abastecimento de água para ampliar o plantio nos quintais e hortas na Serra da Misericórdia buscando a produção de alimentos saudáveis para prover melhor alimentação e fortalecer a imunidade das famílias;
    • Prover água para a conscientização e cuidados de higiene.
  • Como doar: Para doar clique aqui!

Campanha de doação #FavelaSemCoronha 

  • Organização: Centro de Integração na Serra da Misericórdia (CEM), organização comunitária sediada no Complexo da Penha com histórico de trabalho em agricultura urbana e agroecologia na favela e promoção da alimentação saudável. Junto com outras organizações locais, está com uma campanha de conscientização e informação e de doação de alimentos, materiais de higiene e materiais infantis (jogos e materiais de papelaria) para moradores das favelas do Complexo da Penha, em especial a comunidade da Terra Prometida.
  • Doações: aqui ou doação de alimento nos pontos de coleta: feira orgânica de Olaria (Praça Maurício Cardoso) aos sábados de manhã, escada da Rua Aymoré (Penha) todos os dias ou Guanabara da Penha toda quarta manhã. Contato: (21) 99744-4870 (Ana).

 

Penha COVID.jpeg

Favela pede ajuda SOS

  • O que é? A Sol de Maria é uma associação de assistência social. Beneficiente Filantrópica sem fins lucrativos, que presta assistência gratuita à crianças comprovadamente carentes da comunidade do morro da fé , morro da paz, morro do sereno,morro da caixa d agua [complexo da penha] favela da malvina ,morro juramento e juramentinho [avenida vicente dee carvalho],em adoecimento do câncer e deficientes . O nosso trabalho é oferecer assistência social para 200 crianças  e algumas dessas crianças assistidas pelo nosso projeto tem  câncer e doenças hematologicas,promovendo  qualidade de vida e colaborando para a promoção de condições ideais de tratamento e resgate da saúde do paciente.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Complexo de Favelas da Maré

Comunicadores Populares da Maré

  • Sobre o projeto: Na Maré, a rede de Comunicadores e Comunicadoras populares criaram uma campanha de comunicação para informar a população sobre o COVID 19. Segundo a divulgação da campanha, a comunicação comunitária é uma grande ferramenta para informar sobre os riscos da pandemia pois nem todos tem acesso aos grandes meios de comunicação, leitura, jornais e internet. Além disso, a favela possui muitas dificuldades no acesso pleno à quarentena e isolaento, então eles propõe iniciativas de colar faixas, cartazes, alugar carros de som e programas de rádio sobre o tema. Para colaborar, doe o que puder:
  • Quem organiza: Comunicadores Populares da Maré
  • Como doar: Depósito Bancário - Banco do Brasil | Agência: 0249-6 | Conta: 112.897-3 | Gizele de Oliveira Martins | CPF:11041944730. Outra forma de apoio é pela vaquinha online, que você pode acessar aqui
  • Contato: pelo email amareense@gmail.com

 

Maré no COVID.jpg

Redes da Maré

  • Sobre o projeto: A Campanha Maré diz NÃO ao Coronavírus é uma iniciativa da Redes da Maré, pensada para acontecer no período da crise provocada pela pandemia, se viabilizando a partir de uma rede de parcerias com diversas instituições e pessoas =ísicas. Nosso desa=io é muito grande, já que a Maré é uma região com 140 mil pessoas, o que signi=ica que, do ponto de vista populacional, é maior que 96,4% dos 5.570 municípios brasileiros. Temos certeza de que esta iniciativa está fazendo a diferença na vida de muitos moradores e moradoras das favelas da Maré. A Redes da Maré, uma instituição criada por moradores da Maré, onde residem em torno de 140 mil pessoas. Em seus projetos sociais, bene=icia diretamente mais de 4.500 moradores, além de seus familiares e vizinhos. São ações nas áreas de educação, arte, cultura, memória, segurança pública e desenvolvimento territorial que buscam superar a desigualdade histórica enfrentada pelas populações de favelas, com atenção especial em determinados segmentos sociais, tais como o de crianças e jovens e o de mulheres.
  • Quem organiza: Redes_da_Maré
  • Como apoiar:
    • Pessoas ou empresas que produzam alimentos e possam doá-los prontos para servir às pessoas em situação de rua.
    • Pessoas ou empresas que queiram doar alimentos, água, itens de higiene pessoal ou de limpeza de ambientes, equipamentos de EPIs etc., conduzindo a doação o posto de coleta, que está sendo o Centro de Artes da Maré (Rua Bittencourt Sampaio, 181. Nova Holanda. Maré) e funciona de segunda a sexta-feira, entre 9h e 17h, para esta finalidade. Em outro horário, contatar (21) 99907-3154 ou parcerias@redesdamare.org.br.
    • Crédito em conta bancária da Redes da Maré. Os recursos estão sendo destinados à aquisição dos itens acima listados e demais frentes e ações que compõem a campanha. As compras são realizadas, prioritariamente, com pequenos empreendedores locais, tendo como objetivo a circulação de recursos dentro da Maré neste período de crise.
  • Dados bancários para a doação: 
    • Associação Redes de Desenvolvimento da Maré
    • CNPJ: 08.934.089/0001-75
    • Banco do Brasil - 001 Agência: 0576-2 Conta Corrente: 160.568-2
    • Banco Itaú S/A - 341 Agência: 0023 Conta Corrente: 543.38-2
  • Para doações internacionais: 
    • Banco do Brasil - 001 Agência: 0576-2 Conta Corrente: 160.568-2 - Inserir também os códigos: Código IBAN: BR15 0000 0000 0057 6000 1605 682C 1 Código Swift: BRASBRRJRJO
    • Banco Itaú S/A - 341 Agência: 0023 Conta Corrente: 543.38-2 - Inserir também os códigos: 3 Código IBAN: BR83 6070 1190 0002 3000 0543 382C 1 Código Swift: ITAUBRSP
  • Contato: 
Campanha-Maré.jpeg

Devãs - Artesãs da Maré

  • O que é a ação: Mulheres empreendedoras da rede de economia solidária do Rio lançaram uma campanha de doação para ajudar costureiras do Complexo da Maré durante a pandemia do coronavírus. Com as exposições em feiras proibidas devido à quarentena, as integrantes do Devas – Artesãs da Maré, que participam do Circuito Rio Ecosol -- projeto da prefeitura que expõe os trabalhos de mulheres artesãs de economia solidária no Rio -- ficaram sem renda. Com isso, as organizadoras da rede criaram uma vaquinha online para recolher alimentos e itens de higiene para as mulheres do projeto, que existe há 21 anos na Maré para atender a vítimas de estresse psicológico devido à violência da região.
  • Como ajudar? Para ajudar, é possível entrar em contato com a organização pelas redes sociais do Artesãs da Maré e do Circuito Rio Ecosol.

Manguinhos

Fórum Social de Manguinhos

  • O que é a ação? Estão aceitando doações de alimentos e produtos de higiene pessoal e coletiva. Para apoiar a iniciativa, entre em contato com Rachel pela página do Fórum Social de Manguinhos. Rachel é liderança do Fórum Social de Manguinhos (FSM). Além disso, para atendimento de famílias mais necessitadas, há a conta para depósito de qualquer quantia em doação:
  • Quem está organizando? Fórum Social de Manguinhos.
  • Como ajudar? Por meio de depósitos bancários: 
    • Conta Poupança no Banco Itaú
    • Ag.: 6009 / Conta: 459774
    • ANA PAULA GOMES DE OLIVEIRA
    • (caso seja necessário maiores informações, entrem em contato conosco)

Manguinhos Solidário

  • O que é? Iniciativa na favela, organizada por lideranças locais. Está pedindo doações para comprar kits com foco em produtos de higiene pessoal e alimentação, as doações podem ser feitas por meio de depósito/transferência. Mais informações: 
  • Quem organiza? Frente Manguinhos_Solidário
  • Como ajudar? Doações na vaquinha clicando aqui ou doações em dinheiro para a conta:
    • PALOMA DA SILVA GOMES
    • 4220-x  agência 
    • 11247-x conta corrente
    • As vezes pedem para substituir o x pelo zero 
    • Banco do Brasil 
    • CPF 13020078741
Manguinhos Solidário.jpg

Solidariedade em Manguinhos

  • O que é? Iniciativa na favela, organizada por trabalhadores da Fiocruz. Recolhendo dinheiro para comprar itens de alimentação e higiene.
  • Quem organiza? Trabalhadores da Fiocruz
  • Como ajudar? doações para as contas no cartaz abaixo ou clicando aqui
  • Contato: Acesse o Instagram no grupo clicando aqui!
Campanha de Solidariedade feita por trabalhadores da Fiocruz para apoiar moradores de Manguinhos

 

Ilha do Governador

Ação Solidária Ilha do Governador contra o Coronavírus

  • O que é a ação? Campanha para comprar alimentos e produtos de higiene que serão distribuídos nas favelas da Ilha do Governador.
  • Quem organiza? Frente Ilha do Governador contra o Coronavírus
  • Como apoiar? Doando qualquer valor para:
    • BRADESCO
    • Camila Valente de Souza
    • CPF: 14517033767
    • Agência: 6689-3
    • CC: 0005452-6
       
    • BANCO DO BRASIL
    • Sthefani Coutinho Assis dos Santos
    • CPF: 132078957-94
    • Agência: 3652-8 
    • CC: 64364-5
  • Contatos:  📞 98040-8277 |  📞99682-7408 Instagram: @ilhacontracorona

 

Ilha.jpg

Morro do Fubá 

ONG Terr'Ativa

  • O que é? A ONG Terr'Ativa, que atua na comunidade do Morro do Fubá há 15 anos, está arrecadando doações para distribuir cestas básicas e kits de limpeza para as 75 famílias atendidas pelos projetos da associação. 
  • Como ajudar? Para contribuir, pode realizar uma doação na página Doar do nosso site ou via depósito bancário:
    • Banco Santander
    • Agência: 4697
    • Conta corrente: 13.000069-9
    • GNAISSE ONG
    • CNPJ: 03.217.151/0001-94
  • Para mais informações sobre o trabalho da Terr’Ativa: 

Tijuca

Ocupa Tijuca

  • Sobre a ação: O Brasil está numa crise tremenda. A luta contra o coronavírus obriga ao isolamento social. Isso faz com que a maioria perca muuuuita renda, principalmente os mais informais e precarizados. Na Tijuca as famílias com mais necessidade moram nas favelas e comunidades. Sobrevivem com falta de saneamento básico, em espaços muito ocupados, com pouquíssimos recursos. Essa situação toda é muito agravada nessa crise. Vários pedidos de ajuda vão surgindo, como da Associação de Moradores do Salgueiro, assim como a da Indiana, da Igreja São Camilo, que está entregando doações pro Borel, e de um grupo de moradores do Morro da Formiga, que desenvolvem trabalhos na comunidade, como a horta Formiga Verde. Pela irresponsabilidade e falta de ação dos governos a ajuda é pouca e está demorando! Assim, decidimos criar uma vaquinha para coletar recursos e doar alimentos e materiais de limpeza e higiene. Nos comprometemos a prestar contas e enviar fotos de todas as entregas realizadas! Agora é a hora de sermos mais solidários do que nunca! Ajude você também! Já são R$1500,00 arrecadados, bora aumentar esse número!
  • Como ajudar: Para fazer uma doação, clique aqui.
  • Contato: Ocupa Tijuca – ocupatijuca@protonmail.com

Mangueira

Ação Solidária Ajude a Mangueira

  • O que é a ação? Arrecadação de alimentos, medicamentos, protudos de higiene e limpeza
  • Como ajudar? 
Covid Mangueira.jpeg

Acari

Coletivo Fala Akari

  • O que é a ação? O Coletivo Fala Akari criou um mapeamento online para saber quem precisa de água potável e quem pode oferecer ajudas.
  • Como ser ajudado? Acesse clicando aqui.
  • Como ajudar? DOAÇÕES: Entrar em contato através do celular:+55 2197467-4021 / Coletivo Fala Akari'

 

Jacarezinho (RJ)

Ajude o Jacarezinho no combate ao coronavírus

Campanha no Jacarezinho contra o COVID

Jaca contra o covid

Jaca contra o Covid.jpeg
  • O que é a ação? A falta de visibilidade do Jacarezinho, que é a favela com maior índice de turbeculose do Rio de Janeiro, e com a pandemia do Covid-19, essa desigualdade é escancarado nos números, que mostram que a taxa letalidade no Jacaré chega a 33%, ou seja, 1 a cada 3 pessoas infectados vem a óbito. Como se não bastasse isso, na último dia 09/05 tivemos que lidar com uma operação policial na véspera do dia das mães. A invisibilidade do Jacarezinho na dinâmica social do Rio de Janeiro, faz com que a nosso alcance e consequentemente nossa arrecadação seja muito limitada. 
  • O que estão arrecadando: Estamos precisando de tudo, desde cestas básicas, kits de higiene, kits bebês, EPIs , Máscaras de Panos, mas também de material gráfico para divulgação de medidas preventivas. 

Madureira

Buriti, Congonha (RJ)

Buriti COVID.png

Morro dos Macacos

Ação da Associação de Moradores

 

Macacos COVID.jpeg

Ação do Coletivo Anjos da Tia Stelinha

  • feita pelo coletivo Anjos da Tia Stellinha, uma organização educacional e de apoio psicossocial no Morro dos Macacos, está aceitando doações diretas de kits de limpeza e higiene pessoal, além de doações financeiras.
  • Doações: Via depósito bancário:
    • Banco Bradesco
    • Agência: 1400
    • Conta corrente: 3130-5
    • CNPJ 27.481.838/0001-09

Zona Sul

Santa Marta

Projeto de apoio às famílias da favela de Santa Marta

  • Sobre a ação: A pandemia do Covid-19 já se difunde pela cidade do Rio de Janeiro. Ameaça, principalmente, os 2 milhões de moradores de favelas, pelas dificuldades locais de se praticar e manter as medidas, hoje, indispensáveis ao combate à pandemia: isolamento social e rigorosos hábitos de higiene.
    O Projeto PROTEÇÃO PARA TODOS foi criado por um grupo de profissionais liberais e professores abaixo-assinado que têm relações de amizade ou trabalho voluntário na favela de Santa Marta, no bairro de Botafogo. Nela vivem cerca de 5.000 pessoas, com uma grande quantidade de jovens e crianças, mas também uma parcela crescente de idosos e mulheres chefes de família. A população economicamente ativa trabalha a maior parte no comércio, construção civil, atividades domésticas e atividades informais.
    A iniciativa partiu da constatação simples e evidente de que a única forma de conter a pandemia Covid-19 e evitar uma situação apocalíptica em nossa cidade, para além dos cuidados individuais, é empreendermos iniciativas coletivas solidárias. Escolhemos uma ação de apoio financeiro direto, em uma escala bem pequena, 50 famílias do Santa Marta, para as quais doaremos uma cesta básica por três meses;pagando aos carregadores locais para fazer as entregas. Além disso, estamos dando um valor em espécie para compra do gás ou qualuqer outra urgência. O nosso compromisso é com 50 famílias, por 3 meses.
    O líder comunitário Itamar Silva, presidente da Associação Escola Sem Muros – Grupo Eco, será o Coordenador e responsável, com o apoio de outras entidades locais, pela escolha e a entrega das doações às famílias beneficiadas. Itamar, formado em Comunicação Social, é nosso conhecido há quase quatro décadas.
  • Quem organiza? Grupo ECO. Para saber mais sobre o grupo, clique aqui
  • Como ajudar: 
    • Assoc. Escola Sem Muros – Grupo ECO
    • CNPJ: 32.436.458/0001-84
    • Banco do Brasil
    • Agência: 1569-5
    • Conta:32.373-X
Santa Marta - grupo eco.jpg

 

Associação de Moradores do Santa Marta

  • Sobre a ação: Ação de arrecadação para alimentação e produtos de higiene no morro. 
  • Quem organiza? Associação de moradores do Santa Marta
  • Como ajudar? Acesse o site e apoie a favela!
StMarta COVID.jpg

Sanitização do Santa Marta

  • O que é a ação? Nas últimas semanas, ações preventivas de desinfecção contra a propagação do novo coronavírus começaram a ser feitas em uma favela de Niterói, na Central do Brasil, nas barcas, no metrô e em áreas onde há maior circulação de pessoas na cidade do Rio de Janeiro.  Esse procedimento usado em vários países e no Brasil pode salvar vidas! Por que não usá-lo nas favelas?  Tivermos a ideia de fazer o processo de sanitização da favela por nós mesmo! Conseguimos doações iniciais e já começamos voluntariamente a realizar, com os devidos equipamentos de segurança, essa ação preventiva de desinfecção das ruas, becos, vielas e bonde do Morro Santa Marta. 
  • Como ajudar? Entrando em contato com Thiago Firmino, pelo telefone 21 99177-9459
  • Conheça mais sobre a iniciativa clicando aqui
Higienização St Marta.jpg

Rocinha

Campanha Rocinha Resiste

O que é? Campanha de arrecadação de alimentos e produtos de limpeza

Quem organiza a campanha? Coletivo A_Rocinha_Resiste

Como ajudar? 

A Rocinha Resiste.jpg

Projeto Família na Mesa

As comunidades escolares do CIEP AYRTON SENNA e C.E. ANDRÉ MAUROIS se juntam nessa campanha de solidariedade: Veja como apoiar o projeto Família na Mesa (Rocinha). Ela doa cestas básicas e kits de higiene para famílias em vulnerabilidade social na Rocinha.

Campanha da Acaer Rocinha

Acaer Rocinha.jpg

A Associação de Cultura Arte e Esporte da Rocinha - Acaer está arrecadando alimentos e produtos de higiene para famílias em situação de isolamento na quarentena e que estão sem renda, confecções e distribuições de mascaras na comunidade e distribuição de frutas e legumes.

Estão com a Campanha Rocinha Contra  a Covid-19 na plataforma Benfeitoria em parceria com o Fundo Enfrente da Fundação Tide Setubal.

 Já conseguiram distribuir mais de 700 cestas básicas com kits de higiene pessoal e mais de 900 mascaras na comunidade e mais de 5000 pessoas na favela da Rocinha já foram alcançadas.

Formas de ajudar:

 

Conta bancária: 

Associação de Cultura Arte e Esporte da Rocinha - Acaer

Banco Itaú

Agencia: 0532

C/Corrente: 37455-0

CNPJ: 32246815/0001-41

Contato Severino Franco; 21 96959 4099

Para mais informações:

Chapéu Mangueira / Babilônia

Revolusolar

  • O que é? Campanha de arrecadação de alimentos e materiais de higiene
  • Quem organiza? Coletivo Revolusolar
  • Como ajudar? Entrando em contato pelos números indicados na foto abaixo: 
Corona no Chapeu.jpeg

Vidigal

Movimento de Mulheres de Apoio Humanitário

  • Organização: O Movimento de Mulheres de Apoio Humanitário (MMAH), ONG que atua no Vidigal com rodas de conversa e assistência a famílias em vulnerabilidade social, está arrecadando doações para distribuir kits de higiene e limpeza e cestas básicas para as 100 famílias atingidas no projeto.
  • Doações: aqui

Nós do Morro

  • Organização: O Nós do Morro, grupo teatral que atua com formação profissional e acesso à arte e cultura no Vidigal, articulou-se com lideranças comunitárias para arrecadar produtos de higiene pessoal e limpeza para famílias do Vidigal.
  • Doações: aqui
  • Para saber mais sobre o Nós do Morro, clique aqui

SER Alzria Desã Aleluia

  • Organização: SER Alzira desã Aleluia, ONG comunitária que fornece projetos socioeducativos no Vidigal, está aceitando alimentos e material de limpeza para distribuir aos moradores do Vidigal que os necessitam.
  • Doações: Os itens podem ser entregues em sua sede (Rua Major Toja Martinez Filho, 128A – Vidigal).

Vidigal Vive

  • O que é? O Vidigal é uma comunidade carente do Rio de Janeiro conhecida no mundo todo por sua incrível localização geográfica, entre a Zona Sul e a Zona Oeste aos pés do morro Dois Irmãos. A população do Vidigal foi drasticamente afetada pelo COVID-19 pois grande parte dos moradores vivia de trabalhos informais e autônomos relacionados ao turismo e ao comércio local mas não estão mais conseguindo colocar comida dentro de casa por conta da crise.
  • Como apoiar? Para doar, clique aqui!

 

Região Central

Zona Portuária

SOS Comunidades da Zona Portuária

  • Organização: A campanha SOS Comunidades da Zona Portuária (que está sendo puxada pelo Projeto Cultural Zona Portuária, a ONG Casa Amarela, e moradores da região, como o Cosme Felippsen) está arrecadando dinheiro para a compra de cestas básicas e kits de higiene que serão distribuídas, nesse momento, para famílias vulneráveis da Providência e para a cooperativa ”É Conceição!’ do Morro da Conceição.
  • Doações: aqui

Santa Teresa

Morro da Coroa

  • O que é? A
     (SAMC) está arrecadando alimentos, produtos de higiene e limpeza e doações financeiras para os moradores do Morro da Coroa.Sociedade do Amigos do Morro da Coroa 
  • Como ajudar?: As doações podem ser deixadas nos pontos de coleta no Raízes do Brasil (Rua Áurea, 80 – Santa Teresa) ou no Lava-Jato 100 Nome (Rua Santa Catarina, 367 – Santa Teresa) ou via depósito bancário:
    • Banco Santander
    • Agência: 3838
    • Conta corrente: 13.000.268-6
    • Centro de Apoio Ao Desenvolvimento Osvaldo Dos Santos Neves (CADON)
    • CNPJ: 02.593.213/0001-08

Providência

Ação do Pré Vestibular Comunitário Machado de Assis

  • Tipo de ação: Ação de doação de cestas básicas para moradores da favela, prioriariamente para estudantes e famílias do Colégio Estadual Reverendo Clarence, mas também para famílias de estudantes do Colégio Municipal Francisco Galotti e para moradores e moradoras do Morro do Pinto.
  • Quem está envolvido: Pré Vestibular Comunitário Machado de Assis
  • Como ajudar esta ação? Doando qualquer valor na conta: Banco Inter - 077 | Agência - 0001-9 | Conta - 5460186-0 | Beneficiário: Douglas Melo da Fonseca | CPF: 158.173.557-01
  • Saiba mais clicando aqui
Foto da Ação na Providência feita pelo Pré Vestibular Comunitário

Rolé dos Favelados

  • Tipo de ação: Estão aceitando doações de alimentos e produtos de higiene pessoal e coletiva. 
  • Quem está envolvido: Cosme, do Rolê dos Favelados. Cosme é liderança comunitária e guia turístico do Rolé dos Favelados na Primeira Favella.
  • Como ajudar esta ação? Para apoiar a iniciativa, entre em contato com Cosme pela página do Facebook do Role dos Favelados.

Entre o Céu e a Favela

  • Tipo de ação: Estão aceitando doações de alimentos e produtos de higiene pessoal e coletiva. 
  • Quem está envolvido: Coletivo "Entre_o_Céu_e_a_Favela"
  • Como ajudar esta ação? Doe qualquer valor no banco indicado na foto abaixo: 
Covid Providência.jpeg

Casa Amarela Providência

  • O que é a ação? Distribuição de cestas básicas aos moradores do morro
  • Quem está organizando? Coletivo Casa Amarela Providência
  • Como ajudar? Transferência Bancária
    • Banco Bradesco
    • Agência: 0448
    • Conta: 12520-2 - Conta-Corrente
    • CNPJ: 25.144.594/0001-35
  • Para saber mais, clique aqui

SOS Comunidades da Rede Portuária

  • O que é a ação? As comunidades da Zona Portuária do Rio de Janeiro tem um risco maior de contaminação comunitária, principalmente nas áreas mais vulneráveis que não tem acesso à água potável e pelo fato de não existir mercados dentro das comunidades, tampouco nas proximidades (o último mercado que ficava na Senador Pompeu e fechou no início do ano). O desafio de fazer quarentena nas comunidades é gigante. Para evitar entradas e saídas das favelas, precisamos ajudá-los com o suporte de mantimentos básicos.  Fora a falta de dinheiro que é uma realidade de grande parte da comunidade, principalmente agora com o emprego informal totalmente parado. 
  • Onde é desenvolvida? Morro da Providência , Morro do Pinto e Morro da Conceição.  
  • Como ajudar? Para acessar a vaquinha coletiva, clique aqui!

Viaduto Literário e Favela Cineclub

  • O que é a ação: Arrecadação de máscaras
  • Quem está envolvido? O Viaduto Literário junto do Favela Cineclube Favela Cineclube
  • Locais de atuação: Morro da Providência e Morro do Pinto
  • Como ajudar? Clique aqui!
  • Contato: clique aqui para acessar as redes.

Santo Amaro

Santo Amaro contra o Coronavírus 

  • Organização: A campanha Todos pelo Santo Amaro, puxada pela Ademafia, um coletivo que usa o skate como transformação social, vai distribuir cestas básicas e material de higiene para os moradores do Santo Amaro.
  • Doações: aqui
Santoamaro.jpg

Gamboa

Quilombo da Gamboa

  • O que é a ação: Doações para o Quilombo da Gamboa localizado na Rua da Gamboa, 345 (no binário do porto).
  • Quem está organizando: Quilombo da Gamboa.
  • Como ajudar:  Marcelo Braga (21) 98233-0102 / Roberto Gomes (21) 97672-0974.

Zona Oeste do Rio

União Coletiva pela Zona Oeste

  • O que é a ação? Para manter o apoio às famílias que mapeamos nesse primeiro mês de enfrentamento ao Covid-19 nas periferias da Zona Oeste, todas as ações permanecerão sendo feitas de maneira responsável, desde o mapeamento até a entrega das cestas básicas e itens de higiene. Nossa estratégia é acompanhar como prioridade as famílias que por diversas razões não conseguiram apoio emergencial do governo - muitas famílias que cadastramos não possuem documentação, por exemplo, e precisam ser assistidas.
  • Quem organiza? 
    A União coletiva da Zona Oeste, surgiu na necessidade do enfrentamento das consequências do coronavírus na periferia da periferia do Rio de Janeiro. Juntos, os coletivos em sua maioria culturais e educacionais, mapearam mais de 2.000 famílias em situação de extrema vulnerabilidade social, nos bairros de Santa Cruz, Paciência e Sepetiba.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Teia de Solidariedade

  • O que é a ação? A Teia de Solidariedade da Zona Oeste está no ar há quase um mês e conseguiu apoiar até o momento mais de 300 famílias em situação de insegurança alimentar na Zona Oeste do Rio de Janeiro. A Teia é uma poderosa articulação política de Coletivas, Coletivos e Instituições que atuam nos bairros de Campo Grande, Bangu, Santa Cruz, Sepetiba, Pedra de Guaratiba, Vargens, Gardênia, Quilombo do Camorim, Recreio e Jacarepaguá, gestada e gerida por mulheres e que visa diminuir a vulnerabilidade das famílias impactadas pela pandemia, mas também tecer ideias que fortaleçam a compreensão da assistência social, da moradia popular e da soberania alimentar como direitos. A solidariedade, a articulação política e o trabalho militante uniu mulheres da ZO e apoiadoras com o objetivo de socializar apoio material e informação às famílias que já se encontravam em vulnerabilidade social e que, com o avanço da pandemia na cidade, estão em situação de insegurança alimentar. Nos organizamos em um movimento coletivo a partir dos territórios da Zona Oeste e da atuação comunitária, mobilizando outras áreas da cidade, do Brasil e do mundo! Somos a Teia de Solidaridade Zona Oeste, uma articulação popular de enfrentamento dos impactos da crise causada pela pandemia da Covid-19 sobre a Zona Oeste da Cidade do Rio de Janeiro.
  • Quem constroi a teia? Coletiva Popular de Mulheres ZO, Instituo de Formação Humana e Educação Popular, Coletivo Piracema, Coletiva as Caboclas, Mulheres de Pedra, Fundação Angélica Goulart, Plano Popular das Vargens, MUCA - Movimento Unificado dos Camelôs, UNMP-RJ - União Nacional de Luta por Moradia, União Coletiva pela ZO, Fórum Estadual de Mulheres Negras/RJ - Grupo de Trabalho Zona Oeste. São nossas Parcerias: Criola, Instituto Pacs, International Women Space, 8M Berlin, campanha Rio contra o Corona.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui
  • Contato: Venham tecer essa Teia com a gente e sejam também articuladoras/res da @teiasolidariedadzo. Conheça também o facebook clicando aqui.
Teia ZO.jpg

União por Moradia Popular do Rio de Janeiro (UMP-RJ)

  • O que é a ação: A UMP atua nos bairros da região de Jacarepaguá e Campo Grande e no centro, com famílias sem teto.
  • Quem está organizando: AUnião por Moradia Popular no Rio de Janeiro, localizado em Rua Japomirim Tote, 18 – Taquara, Jacarepaguá.
  • Como ajudar: Apoie as famílias sem-teto do Rio de Janeiro por meio de doação por vaquinha on-line, clicando aqui!

BASE - Realengo, Campo Grande e Santa Cruz

  • O que é a ação: São mais de dois meses desde o início da pandemia do Covid19 e os números já apontam a Zona Oeste como uma das áreas mais preocupantes do Rio de Janeiro. Três bairros da região - Campo Grande, Santa Cruz e Realengo, já apresentam índices de óbitos maiores do que a Itália: um a cada cinco casos acabam em morte. Grande parte dos chefes de família de comunidades dessa e de outras regiões se veem obrigados a quebrar o isolamento social, principalmente aqueles que não receberam o auxílio. Além disso, a infraestrutura desses locais na maioria das vezes impede o isolamento ideal, principalmente do moradores que já apresentam sintomas de coronavírus.
  • Quem organiza? B.A.S.E. - Buscando Ajuda (para) Sonhos Executáveis
  • Como apoiar: Para doar, clique aqui

Rio das Pedras

Cine&Rock

  • Organização: Cine & Rock, uma iniciativa que visa ao fortalecimento da cidadania plena e da justiça social através do desenvolvimento das culturas urbanas e é integrante ativo da Rede Favela Sustentável. O Cine & Rock está arrecadando cestas básicas e material de higiene e limpeza para distribuir para as famílias de Rio das Pedras.
  • Doações: aqui ou podem ser deixadas na sede do Cine & Rock (Estrada de Jacarepaguá, 3640 – Rio das Pedras). Contato: (21) 992431324 (Leu).

Jacarepaguá - Todos pelas comunidades

  • O que é? A campanha “Todos Pelas Comunidades” tem o objetivo de mobilizar pessoas e empresas a se unirem e arrecadarem fundos para compras de cestas básicas e kits de produtos de limpeza e higiene pessoal para atender centenas de famílias de várias comunidades de Jacarepaguá.
  • Quem organiza? A campanha é promovida e gerida pelo Grupo Cultura Urbana, uma Organização Sem Fins Lucrativos que vem, há mais de 8 anos, promovendo a transformação e inclusão social por meio da arte, da cultura, do esporte e da educação, gerando oportunidades que criam impacto positivo na vida de várias crianças, adolescentes, jovens e seus familiares.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui!

Bangu - Semente contra o coronavírus

  • O que é? Nosso objetivo e arrecadar fundos para aquisição de cestas básicas e kits de higiene para famílias atendidas em nosso trabalho de assistência na Semente do Futuro na Vila Aliança em Bangu – RJ Para conseguirmos alcançar essa meta, precisamos da sua ajuda, contribua com qualquer quantia, assim estará ajudando muitas familias em risco de vulnerabilidade por conta deste vírus.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Vila Kennedy

Campanha de arrecadação na Vila Kennedy

42e37fd2-4d7b-4959-9ff8-3b1fd0a78ec1.jpg

Morro do Divino - Jacarepaguá 

Campanha Ubuntu

  • O que é? Arrecadação de dinheiro para comprar cestas básicas
  • Como ajudar? doando para a conta no card 
Campanha no Morro do Divino em Jacarepaguá

Guaratiba

Campanha da Casa de Caridade Seara de Boiadeiro - Guaratiba

  • O que é a ação? Coleta de todo tipo de doações para apoiar as comunidades em Jardim Maravilha e Guaratiba. 
  • Sobre: A instituição Casa de caridade Seara de Boiadeiro, que fica no Jardim Maravilha, Guaratiba, está recebemos doações de todos os tipos  pra ajudar as comunidades. A responsável é a Presidente da casa, Maria de Fátima Oliveira Maciel e a instituição fica no endereço Rua Goiatins, qd 270, LT 29, cep 23031150 Jardim Maravilha, Guaratiba RJ.
  • Onde doar? Devido as últimas enchentes, montaram um polo na Rua Mato Verde, qd 72, LT 19 Casa 3, cep 23033130, Jardim Maravilha, Guaratiba RJ.
  • Como apoiar financeiramente: 
    • Conta poupança
    • Caixa Econômica Federal:  Agência: 4162.  Conta: 00038378-8  Maria de Fátima Oliveira Maciel.
  • Contato: 
    • E-mail: casadecaridadesearadeboiadeiro@gmail.com
    • Facebook.

Santa Cruz

Suporte para Santa Cruz em tempos de Covid-19 

  • Sobre: Suporte para Santa Cruz em tempos de Covid-19 é uma campanha de arrecadação de recursos financeiros para a compra de alimentos, itens de higiene e limpeza para apoiar famílias atendidas pelas organização, em Santa Cruz (RJ).
  • Quem organiza? B.A.S.E. - Buscando Ajuda (para) Sonhos Executáveis
  • Como apoiar? As doações podem ser feitas pelo Vakinha.

Gardênia Azul

Favela Vertical

  • Organização: O Favela Vertical, coletivo que promove atividades culturais, educacionais e artísticas nas comunidades do Gardênia Azul, está arrecadando doações para ajudar as famílias da comunidade da Beira do Rio.
  • Doações: Via PicPay (@favelavertical) ou depósito bancário para Rafael Mendes de Oliveira, CPF 170.746.447-22
    • Banco Itaú
    • Agência: 9291
    • Conta corrente: 21011-1
       
    • Nubank
    • Agência: 0001
    • Conta corrente: 3421972-9

Cidade de Deus

Frente CDD

  • O que é? No dia 22 de março de 2020 os jornais anunciavam que a  Cidade de Deus era a primeira favela no Rio de Janeiro a ter confirmado caso do novo Coronavírus. Logo em seguida, diversas lideranças e instituições que atuam na favela  se reuniram para pensar em estratégias de contenção da curva de contágio e formas de auxiliar os milhares de moradores afetados pelo isolamento social. As mais de 40 instituições e lideranças locais de partida perceberam que a dificuldade de acesso a água e a produtos de higiene pessoal seria a primeira grande barreira para conter a disseminação do vírus, desta forma iniciou-se a campanha de arrecadação desses produtos e de água. Logo em seguida, a vulnerabilidade socioeconômica mostrou sua face mais cruel e a campanha cresceu e tomou corpo, tornando-se também campanha de arrecadação de alimentos. Hoje, a FrenteCDD já ajudou mais de 5 mil famílias (cerca de 15 mil pessoas) com entrega de cesta básicas e materiais de limpeza. Da mesma forma, também circularam panfletos, carros de som, faixas e materiais nas redes tirando dúvidas sobre a COVID-19, suas formas de contágio e seus principais sintomas. Porém, esse trabalho só é possível com a doação a sua ajuda. Criamos essa Vakinha para solidarizar nossas redes e manter ativa essa campanha tão bonita que tem ajudado milhares de pessoas. 
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui
  • Para saber mais, clique aqui.

CEACC - Centro de Estudos e Ações Culturais de Cidadania

  • O que é? ação de coleta e distribuição de alimentos
  • Quem organiza? CEACC
  • Como ajudar: Para ajudar, entre em contato pelo telefone 21 99145-2690 ou doe para as contas abaixo
CEACC.jpeg
CEACC33.jpeg

Marginal

  • O que é? Campanha organizada pelo Coletivo Marginal para arrecadação de itens de higiene e limpeza pessoal na CDD.
  • Como ajudar? Entrando em contato com os números no card
CDD COVID 2.jpeg
Campanha organizada pelo coletivo Marginal para arrecadação na região da Cidade de Deus

 

 

Baixada Fluminense

São João de Meriti

Projeto Inclusão

Projeto Inclusão.jpg
  • O que é a ação? Todos os dias desenvolvemos várias atividades educacionais,culturais e esportivas com crianças e adolescentes em vulnerabilidade social da nossa comunidade, e para pagar o aluguel do espaço no valor de R$600,00 por mês ,realizamos rifas, barracas de lanches , bazar etc. Porém com a atual situação do nosso País devido a quarentena para controle do Covid-19 as nossas atividades tiveram que ser suspensas, mas precisamos quitar o aluguel do nosso espaço, assim esse valor dará para para pagar os cinco meses de aluguel, período estimado por algumas autoridades para que acabe essa pandemia ,assim logo que o nosso País passar por esse momento difícil retornaremos nossas atividades e assim ajudaremos a nossa comunidade a se erguer. Contamos com a sua colaboração , lembrando que qualquer valor será muito bem vindo . Desde já agradecemos.
  • Quem está organizando? O Projeto Inclusão.
  • Como ajudar: Clique aqui para acessar a Vakinha Online.

Duque de Caxias

Apadrinhe um Sorriso contra o Covid 19

Pq das Missoes 1.jpeg
  • O que é a ação: Por uma questão de logística estamos comprando cestas montadas em comerciantes locais. Para movimentar a economia local e evitar circulação de pessoas. O foco das doações são cestas básicas e kits de limpeza.
  • Quem está organizando: ONG Apadrinhe um Sorriso.
  • Como ajudar: Banco Itaú, Conta 77912-5, Agência 0090, Fabiana da Silva, CPF 097.132.707-62   / Doações físicas: 21 99685-7740 (Fabbi Silva)

Associação de Mulheres de Atitude com Compromisso Social (AMAC)

  • O que é a ação: A Associação acolhe mulheres vítimas da violência doméstica e em situação de vulnerabilidade social, está recebendo doações diretas e financeiras para a compra de alimentos e produtos de limpeza para mulheres locais.
  • Quem está organizando: Associação de Mulheres de Atitude com Compromisso Social.
  • Como ajudar: As doações podem ser entregues na Travessa Presidente Kennedy, 194, Parque Fluminense – Duque de Caxias, ou retiradas mediante agendamento pelo telefone (21) 998078422 (Nill Santos).
  • Via depósito bancário: Banco Itaú   Agência: 8297   Conta: 18154-0   CNPJ: 24.119.219/0001-72.

Maloca

  • O que é a ação: Um movimento que promove saúde mental e geração de renda para mulheres em Caxias, está arrecadando dinheiro para compra de alimentos, produtos de limpeza, sabonete e álcool em gel para serem doados às famílias da comunidade do Pantanal, em Duque de Caxias. 
  • Quem está organizando: Maloca.
  • Como ajudar: Clique aqui.

Movimenta Caxias

Ajude Movimenta.jpg
  • O que é a ação: Organização de desenvolvimento comunitário em Caxias, está aceitando doações diretas e financeiras para a compra de alimentos, produtos de limpeza e água engarrafada para os moradores vulneráveis de Caxias.
  • Quem está organizando: Movimento Caxias.
  • Como ajudar: Para doar ao Movimenta Caxias, clique aqui!

CAMPANHA DE SUPORTE À PREVENÇÃO EM JARDIM GRAMACHO
 

Covid Gramacho.jpeg
  • O que é a ação: Nós do Odarah Cultura e Missão, em parceria com a Casa Semente/Redenção Baixada/Missão Aliança, CONVOCAMOS a todas e todos para fortalecerem a campanha de arrecadação financeira para a compra de KITs DE LIMPEZA E SUPORTE às famílias de Jardim Gramacho.
  • Quem está organizando: Casa Semente.
  • Como ajudar: Dados bancários(na imagem acima) ou clicando aqui.

Campanha Coletivo Vila Beira Mar

 

Campanha-BeiraMar2.jpg
  • O que é a ação: Na comunidade Vila Beira Mar, em Duque de Caxias, temos mais de 350 famílias sem acesso ao serviço regular de água, esgoto nem luz. Esta realidade de vulnerabilização de direitos básicos se reforça ainda mais em tempos de crise. Os moradores da Vila Beira Mar estão se organizando e procurando doações e parcerias, para reforçar a ação de prevenção e contenção ao Covid19 na comunidade.
  • Quem está organizando: Coletivo Vila Beira Mar.
  • Como ajudar: Dados bancários e contatos na imagem acima.

ONG Terra dos Homens

  • O que é a ação: Há 11 anos, trabalhamos com a Favela da Mangueirinha, em Duque de Caxias, Baixada Fluminense. Através dos atendimentos, visualizamos que muitas famílias não tem um trabalho fixo, vivem dos "picos", são trabalhadores autônomos e/ou estão impossibilitados de trabalhar por causa do isolamento social. Precisamos da sua ajuda para que possamos ampliar o nosso alcance de doações. Mais do que as famílias que atendemos, neste momento, queremos beneficiar todo o Complexo da Mangueirinha, que atualmente conta com, aproximadamente, 25 mil habitantes. Cada contribuição que tivermos terá impacto na vida de todas essas pessoas do Complexo da Mangueirinha. Ajude a salvar outras vidas. 
  • Quem está organizando: ONG Terra dos Homens.
  • Como ajudar: Clique aqui!

Itaguaí

Associação de Mulheres de Itaguaí Guerreiras e Articuladoras Sociais(AMIGAS)

  • O que é a ação: Estamos com uma campanha para minimizar o impacto do COVID 19 dentro das comunidades mais carentes do município de Itaguaí, Baixada Fluminense. Distribuímos cestas básicas, roupas, calçados, água mineral, materiais de higiene e limpeza, álcool em gel, confeccionamos e distribuímos máscaras . Também estamos ajudando a população em situação de rua, fornecendo material de higiene e limpeza, máscaras e quentinhas, além de tentar fornecer hospedagem , para que saiam das ruas.
  • Quem está organizando: Associação de Mulheres de Itaguaí Guerreiras e Articuladoras Sociais(AMIGAS).
  • Como ajudar: Depósitos no Bradesco Agência 1310 Conta-corrente: 0007131-5 Titular: Anna Paula de A. Sales ( Presidente da AMIGAS ).
  • Contatos: E-mail : amigas.itaguai@gmail.com / Telefone: 21 98660-6686 / Página do Facebook. / Grupo do Facebook.

Minas Gerais

Belo Horizonte

Ocupação Zezeu Ribeiro

  • O que é a ação: Ocupação no centro de BH que reúne famílias sem-teto. Apoie!
  • Quem está organizando: Ocupação Zezeu Ribeiro.
  • Como ajudar: Rua dos Caetes, 330, Hipercentro. Contato: Ercília (31) 98649-0832

Ipatinga

Central de Movimentos Populares – Vale do Aço

  • O que é a ação: Campanha de doação para a Central de Movimento Populares - Vale do Aço. Atua com famílias sem-teto na região.
  • Como ajudar: Rua pouso Alegre, 194, Centro. Contato: Usânia (31) 98569-1120

 

Bahia

Telecorona da periferia

Telecorona da Periferia.png
  • O que é a ação: Colabore para iniciarmos uma rede de apoio via telefone e internet com profissionais de saúde que darão suporte aos moradores das periferias de Salvador.
  • Quem está organizando: AfroSaúde.
  • Como ajudar: Para acessar a vaquinha online, clique aqui.

União por Moradia Popular da Bahia (UMP-BA)

  • O que é a ação: Trabalha nos bairros populares na periferia de Salvador. Estão organizados para apoiar as famílias com maior vulnerabilidade. Condomínio das Mangueiras ( 150 famílias) e Residencial Vitória da União ( 20 famílias). As doações permitirão que as famílias possam se manter em isolamento físico, suas vidas e de suas famílias.
  • Quem está organizando: União por Moradia Popular da Bahia.
  • Como ajudar: Avenida Aliomar Baleeiro, 999, Bairro Nova Brasília, Salvador, Bahia. Contato: Marli (71) 98953-7814
  • Para mais informações, clique aqui!

 

Pernambuco

Covid-19 nas Comunidades de Recife

Comunidades de Recife.png

 

  • O que é a ação: O Meu Recife e o Global Shapers lançaram essa campanha para juntar R$ 20 mil até o dia 20 de Abril que serão destinados para comprar água, produtos de limpeza, higiene pessoal e investir pesado na comunicação sobre a prevenção dentro dessas localidades. Nós vamos concentrar essas arrecadações em um só lugar e depois repassar todo o dinheiro igualmente para os coletivos que estão à frente disso dentro das comunidades. As comunidades do Coque, Pina, Ibura, Brasilit, Vila Arraes, Guabiraba, Aritana, Entra Pulso, Nova Descoberta e Coqueiral estão com a gente nessa e irão receber esses recursos até o final do mês de Abril! Temos muita pressa, o número de casos não para de crescer e precisamos ser rápidos e diretos. Tá com a gente nessa? Doe agora!
  • Quem está organizando: Meu Recife e o Global Shapers.
  • Como ajudar: Para acessar a vaquinha online, clique aqui.

COVID-19: Kits-emergência para famílias nas periferias do Recife

Recife de Luta.png
  • O que é a ação: Nós que fazemos parte da Articulação Recife de Luta estamos criando essa campanha para possibilitar que aqueles que estão em melhores condições financeiras, possuem emprego fixo, possam contribuir diretamente com a realidade dos moradores e moradoras de periferia. Não deixaremos de lutar na esfera política e jurídica para que essas populações tenham seus direitos assistidos. Porém, ações imediatas precisam ser realizadas para amenizar esse contexto tão desolador. A nossa meta inicial na primeira etapa foi prestar auxílio a 400 famílias, de 8 comunidades do Recife, com kits que incluem alimentos e material de limpeza/higiene. Cada kit tem o valor de R$ 120,00. 
  • Quem está organizando: Articulação Recife de Luta.
  • Como ajudar: Para acessar a vaquinha online, clique aqui.

Periferia Comunica Periferia

 

  • O que é a ação: O projeto consiste na articulação de produtoras independentes de audiovisual, localizadas em regiões periféricas da Região Metropolitana do Recife, que já possuem uma atuação ativa de produções, a fim de criar conteúdos direcionados aos canais de comunicação locais. Materiais esses que sustentem a preocupação de se cuidar e prevenir, de conscientização sobre o Covid-19, utilizando uma linguagem direta e acessível e que relembram aos moradores e moradoras momentos de comunhão e afeto na comunidade, com o intuito de fortalecê-los/las, incentivando a cooperação e corresponsabilidade de todos e todas. Faz-se necessária a produção de conteúdo produzido pela e para periferia, priorizando a comunicação numa perspectiva mais próxima da realidade das pessoas. Conscientização, redução de danos e alternativas de proteção de baixo custo serão os focos da rede audiovisual periférica e suas campanhas de conscientização.
  • Quem está organizando: Coletivo Roda Fita, Coletivo Caverna, Coletivo Manguecrew e Angola Filmes de Paratibe.
  • Como ajudar: Para acessar a vaquinha online, clique aqui.

Movimento de moradia popular de Pernambuco

  • O que é a ação: Doação para os moradores do Movimento de moradia popular de Pernambuco.
  • Como ajudar: Rua Anália Moreira da Silva m 85 – F Cohab –  Cabo de Santo Agostinho  PE. / Contato: Rosilda (87) 9176-6945.

 

 

São Paulo

UMM-SP - Solidariedade às favelas e ocupações em São Paulo

  • O que é a ação: A União dos Movimentos de Moradia de São Paulo (UMM-SP) deu início nesta semana à ação social de distribuição de cestas básicas em regiões em que atua, com enfoque nas ocupações urbanas (de prédio e terra) favelas e mutirões autogestionários. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações dos movimentos populares urbanos para enfrentar os efeitos do COVID-19. Nosso trabalho de arrecadação e distribuição irá continuar nas próximas semanas e envolve a capital, a região metropolitana de São Paulo, o litoral e o Interior, pelas macrorregionais: Baixada Santista, ABC, Campinas, Americana, Sudoeste, Sertãozinho e Ribeirão Preto. Solicitamos que o apoio de toda sociedade fique ainda mais forte.
  • Como ajudar: Para acessar a campanha, clique aqui. 

União dos Movimentos de Moradia de São Paulo

Frente de Luta por Moradia (FLM)

Associação de Mulheres da Economia Solidária (AMESOL)

Campanha de solidariedade aos moradores de rua

  • O que á a ação: Os movimentos populares urbanos lançaram uma campanha voltada às moradoras e moradores de rua. Você pode colaborar com essa importante iniciativa solidária, doando produtos de higiene pessoal e alimentos não perecíveis.
  • Como ajudar: Veja as orientações de como doar aqui.

Fundo para mães e trab. informais afetadas pelo COVID-19

  • O que é a ação? Com o COVID-19, milhões de mulheres perderam seus empregos e estão sem renda para sustentar suas famílias. Marias diaristas, vendedoras autônomas pelas ruas, mães solteiras, mantenedoras da casa. Especialmente negras. Marias fortes e guerreiras, Marias como eu e você. Por isso, queremos construir uma rede para apoiar essas mães e trabalhadoras informais que tiveram seus empregos e renda comprometidos por conta da pandemia. É momento de se reinventar, de encontrar união e focalizar a essência das nossas ações no cuidado e na cooperação um com o outro, pois a crise é humanitária, e sabemos muito bem de qual lado a corda estoura primeiro.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Rede de apoio às Mulheres e Famílias da zona Show

  • O que é a ação? Apoio às mulheres chefes de família com dinheiro mensal. 
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

SOS Espraiada Vila Santa Catarina, Alba e região contra o corona

  • O que é a ação? Essa campanha começou assim que foi decretado o isolamento social em São Paulo. É resultado da união de professores, alunos, tios da perua e pais da EMEF Bernardo O'Higgins. As doações são feitas para famílias de estudantes da região da Alba e Espraiada, na Vila Santa Catarina, Zona Sul de SP, que estão precisando de ajuda.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

COVID COREIA

  • O que é a ação? Trabalhadores desempregados e autônomos configuram a maior parte dos moradores da Coreia. Diante disso, houve a necessidade da organização independente desta campanha para minimizar os impactos da pandemia do COVID 19. A Coreia está em luta.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Conexões contra o Covid

Famílias chefiadas por mulheres

COMIDA NA MESA DE QUEM PRECISA - Cestas para Sapopemba

  • O que é? 22% das famílias de Sapopemba vivem em Favelas. Muitas vezes falta o alimento na mesa, e você pode nos ajudar a levar Cestas Básicas a quem precisa. COLABORE!
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Parelheiros e Marsilac Sem Fome

  • O que é? Precisamos dar assistência e informação correta para as famílias. É a isso que se propõe a rede Parelheiros e Marsilac Sem Fome. Somos ativistas, comerciantes, estudantes e moradores da região, que enxergam as discrepâncias do acesso na periferia, mas principalmente as particularidades do nosso canto da cidade: somos área rural, o acesso à internet ainda é bastante limitado, o atendimento à saúde é precário ou muitas vezes inexistente, não à toa a taxa de mortalidade infantil no Marsilac chega a ser 24,6 vezes maior que outros bairros da cidade. Muitas pessoas têm que percorrer distâncias enormes para chegar à uma simples farmácia, por exemplo. Além de tudo, o território conta com 6 aldeias indígenas, que necessitam ainda mais proteção contra a propagação do vírus.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

AÇÃO SOLIDÁRIA CAROLINA MARIA DE JESUS

  • O que é? Com mais de 360 mil moradores (IBGE, 2010) e carência da presença do poder público na garantia de direitos básicos, desde sua formação, há mais de 50 anos, as necessidades se acumulam, falta de saneamento básico, energia elétrica, dificuldades de transporte, carência de equipamentos de educação, cultura, e agora com a pandemia do Coronavírus e seus efeitos, a dificuldades das famílias se intensificaram com o desemprego. A Ação Solidária Carolina Maria de Jesus, parte da iniciativa de educadores, agentes culturais, moradores do território e tem o objetivo de travar luta contra a fome das famílias que se encontram em situações de vulnerabilidade social.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

RNBC EM APOIO ÀS COMUNIDADES

  • O que é? São as equipes das bibliotecas que definem a forma de usar o recurso recebido a partir das necessidades e características de suas comunidades. A rede Jangada Literária, por exemplo, conseguiu aliar a ajuda às famílias com o apoio ao comércio local. Para isso, investiu os recursos recebidos em dinheiro, da campanha RNBC, de outros parceiros e de doadores locais, na distribuição de cartão para uso nos mercadinhos e açougues dos bairros. Também na rede Sou de Minas, Uai!, essa solução foi adotada nas comunidades de algumas localidades. Em outras, optou-se pela entrega de cestas de produtos. A produção do cartão tem a parceria do Instituto Stop Hunger, responsável pela emissão sem custo de cartões Sodexo, que receberão créditos nos próximos 3 meses.
  • Como ajudar? Depósito bancário: 
    • ACESA – Associação Cultural Esportiva Social Amigos
    • CNPJ 14.810.743/0001-31
    • Caixa Econômica Federal
    • Agência: 0049
    • Conta corrente: 14453 Dígito 5
    • Entre contas CEF: 003 conta 14453-5

Centro

Movimento Sem-teto do Centro (MSTC) 

  • O que é a ação: Atua com ocupações na região central de São Paulo, em apoio às famílias sem-teto.
  • Quem está organizando: Mstc - Movimento Sem Teto Do Centro.
  • Como ajudar: Veja nas imagens aqui como contribuir com as famílias mais vulneráveis, por meio de doações. / Comitê para doações: Rua São Domingos, 211, Bela Vista. 
  • Contato: Carmem (11) 99680-7409

União Nacional de Trabalhadoras/es Camelôs, Ambulantes e Feirantes do Brasil – UNICAB

  • O que é a ação: Quem puder ajudar nosso fundo de emergência, estamos com uma vaquinha para ajudar nacionalmente ambulantes com artigos de primeira necessidade, que serão distribuídos por meio das nossas organizações.
  • Como ajudar: Clique aqui e doe!
  • Contato: Valdina (11) 98435-1513

Unificação das Lutas de Cortiços e Moradia (ULCM)

  • O que é a ação: Atua com famílias sem-teto em ocupações e moradora de cortiços na região central da cidade de São Paulo, além de famílias que vivem em mutirões.
  • Quem está organizando: ULCM Unificação das Lutas de Cortiço e Moradia.
  • Como ajudar: Clique aqui para acessar a Vakinha online!
  • Contato: Rua vieira martins, 2 – Bresser – Contato: Sidnei (11) 96158-2604 / Rua Vigário João Alves, 77, Vila Monumento – Contato: Eleonor (11) 98879-6951

Ocupação INSS Moradia no Centro

  • O que é a ação:  A Ocupação INSS Moradia no Centro atende famílias sem-teto na região central de São Paulo, e desde que começou a crise está distribuindo refeições para a população em situação de rua que vive no entorno.
  • Como ajudar: Rua Martins Fontes, 178/180. Centro SP- Capital / Contatos: (11) 97409-4981 (Lizene) / (11) 989001544 (Edson).

Ocupações Mauá, Prestes Maia e Ipiranga

  • Como ajudar: Veja aqui como doar para as famílias que vivem nessas ocupações em São Paulo.

Zona Leste

Movimento Sem Terra Leste 1

  • O que é a ação: O movimento atua com famílias sem-teto na região Leste da cidade de São Paulo.
  • Quem está organizando: Movimento Sem Terra Leste 1.
  • Como ajudar: Rua Francisco Jose Alves, 194 – Cidade Tiradentes. Para doações diretas, entre em contato com a referência abaixo, ou doe por meio da vaquinha online da União dos Movimentos de Moradia clicando aqui!
  • Contato: Cristiane (11) 97221-9749

ACLZ

  • O que é a ação: Atua com famílias sem-teto na região de Itaquera.
  • Como ajudar: Rua Bruno Zabala, 67 – conjunto José Bonifácio, Itaquera. Para doações diretas, entre em contato com a referência abaixo, ou doe por meio da vaquinha online clicando aqui!
  • Contato: Manoel (11) 98671-0499

Movimento de Defesa dos Favelados (MDF)

  • O que é a ação: Atua com moradores de favelas na região da Vila Prudente e Sapopemba.
  • Quem está organizando: Movimento de Defesa dos Favelados (MDF).
  • Como ajudar: Rua Bispo Eugênio Demazenod, 463a – Vila AlpinaPara doações diretas, entre em contato com a referência abaixo, ou doe por meio da vaquinha online clicando aqui!
  • Contato: André (11) 96847-1173

ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO JARDIM VILA BELA

  • Como ajudar: Rua Pedro de Medeiros, 521 – Jardim Vila Bela São Mateus – São Paulo.
  • Contato: EDILENE – (11) 94018 1456

ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO JARDIM LIMOEIRO

  • Como ajudar: Rua: Travessa Canal de Suez, 01 A Jardim Limoeiro São Mateus – São Paulo.
  • Contato: Mercês (11) 2731 3863

Zona Oeste e Noroeste

Associação dos Trabalhadores Sem Terra da Zona Oeste e Noroeste

Associação dos Moradores do Jardim São Remo

  • O que é a ação: Campanha de doação da Associação Dos Moradores Jardim São Remo, comunidade localizada na região do Butantã, em São Paulo, com população em situação de alta vulnerabilidade social.
  • Como ajudar: Rua Aquianes, 109 em frente à quadra de futebol. /  Adriana Conceição (11) 98447-6114

Cohab Raposo Tavares

  • O que é a ação: A campanha tem como meta utilizar o valor para fornecer alimentação mais material de higiene por pelo menos 2 meses para até 200 famílias, e comprar material de EPI (Proteção) necessário para as pessoas que estarão trabalhando nessa ação.
  • Como ajudar: Clique para doar! Para doar presencialmente: Travessa Riacho Seco 53 Com Thatiane ou na mesma rua no número 46 com Francis. CEP 05574-420 COHAB RAPOSO TAVARES das 09h as 20h.
  • Contato: (11) 95064-3907

Zona Sudeste

Associação dos Moradores do Heliópolis e Ipiranga

  • O que é a ação: Campanha de doação da Associação que atua com famílias de baixa renda do Bairro e região, luta por moradia, Educação e saúde.
  • Como ajudar: Rua Doutor Dante Costa, 104 – Vila Cristália – São Paulo. /  Lia (11) 95236-7148

Associação dos Movimentos de Moradia da Região Sudeste

Associação dos Moradores do Heliópolis e Ipiranga

  • Como ajudar: Horário: das 9h às 18h. Rua Coronel Silva Castro, 385 – bloco 7A – Heliópolis, São Paulo, capital.
  • Contato: Pastor Carlos (11) 97270-4785

Zona Sul

Ajude Heliópolis

Heliópolis SP.jpeg

Favelas pela paz

  • O que é a ação: O Instituto Favela da Paz no Combate à COVID-19 é uma campanha de arrecadação de alimentos, itens de higiene e limpeza, e de recursos financeiros para apoiar as famílias mais vulneráveis na região do Jardim Ângela, Zona Sul de SP.
  • Quem está organizando: Instituto Favela da Paz.
  • Como ajudar: As doações podem ser feitas por depósito bancário na conta: Instituto Favela da Paz  /  CNPJ: 13.350.8750/0001-32 /   Banco do Brasil | AG: 0722-6 | CC: 41004-7.

Rede de apoio às Mulheres e Famílias da zona Show

  • O que é a ação: Uma rede de apoio financeiro que tem por finalidade fortalece as famílias de quebrada, especialmente as famílias que tem como chefe as MATRIARCAS. Buscamos atravessar  esse momento de quarentena, que coloca em risco a integridade dos nossos corpos, das pessoas que amamos, mulheres negras, periféricas, LGBTs  e  nossa quebrada em geral . Para isso, criamos essa vaquinha para que você também seja nossa parceira ou parceiro na luta contra o Corona vírus. Sabemos que nossa maior preocupação é a saúde de todas e todos, porém a fome nos atravessa, as contas estão se acumulando e as noites de sono viraram horas infinitas de pesadelos.
  • Quem está organizando: coletivas 8M na Quebrada, Periferia Segue Sangrando , Coletiva Luana Barbosa e mulheres da Zona Sul.
  • Como ajudar: Para apoiar, clique aqui.
  • Contato:  8mnasquebradas@gmail.com

 

Central de Movimentos Populares

  • O que á a ação: A CMP criou uma ação social para apoiar centenas de famílias em situação de alta vulnerabilidade em todo o país. A iniciativa visa conseguir viabilizar a distribuição de cestas básicas de alimentos e produtos perecíveis (que garantam a “mistura” na refeição), além de materiais de higiene e limpeza. O público alvo são famílias que vivem nas favelas, ocupações, cortiços e periferias das cidades onde a CMP atua diretamente ou por meio de suas organizações filiadas. 
  • Como ajudar: Apoie por meio de doações para a vaquinha on-line da CMP: http://vaka.me/978192. Outra forma de contribuir é por depósito em conta: Bradesco. Código do Bradesco: 237 | Agência: 0120-1 | Conta Corrente: 112040-9 | Central de Movimentos Populares do Estado de São Paulo: CNPJ 02.177.766/0001-71
  • Contato: Miriam Hermógenes (11) 96484-1372

Vaquinha - Ajude o Grajaú

  • O que é a ação: Estamos trabalhando em ações emergenciais, cuidando de pessoas em situação de vulnerabilidade: dando suporte de moradia, alimentação, materiais de limpeza entre outros. É preciso conter os impactos negativos da pandemia na população do Grajaú, investindo na manutenção da economia periférica, por isso, necessitamos de todo apoio possível para fortalecer a nossa rede que conta hoje com mais de 30 micro-empreendedores vinculados. 
  • Quem está organizando: A Rede Nóis por Nóis.
  • Como ajudar: Clique aqui para doar!

CEPROCIG – Centro de Promoção Resgate a Cidadania Grajaú Paulo VI 

  • O que é a ação: Campanha de doação da Centro de Promoção Resgate a Cidadania Grajaú Paulo VI que desenvolve trabalho educativo no contra turno escolar, atende crianças de 6 á 14 anos. Trabalho de reforços escolares. Atua na prevenção da gravidez na adolescência e DSTS/HIV/AIDS. Organiza famílias de baixa renda, para lutar por políticas públicas de moradias.
  • Como ajudar: Rua Torquato Tapajós, 71- Parque Grajaú – São Paulo. / Contato: Nani (11) 94422-9006

Conjunto Habitacional Brigadeiro Faria Lima

  • Como ajudar: Sul – Rua Bilac , 471 cep: 04840610 / Contato: Anderson (11) 98541-0674

Associação Povo em Ação Vida Sustentável

  • Como ajudar: Rua Tajal, 1010 – Cohab Jardim São Bento, Capão Redondo, São Paulo, SP. CEP: 05886-400. Horário de atendimento das 8 às 17hs, ou com hora marcada.
  • Contatos: Adélio (11) 98258-5849 ou Edna (11)98559-6943 – Email ecolimpio.povoacao@gmail.com

Associação dos Moradores da Favela Vila da Paz

  • Como ajudar: Rua: Rio Madeira, 167 – Vila da Paz – São Paulo Capital / Contato: Maria de Nazaré (11) 97637-3272

Espaço Cultural Kamohelo

  • O que é a ação: Campanha de doação do Espaço Kamohelo.
  • Como ajudar: Rua: Andreas Romberg, 974 – Jd. Silveira – São Paulo – Capital / Contato: Wilson Ferreira (11) 95960-8636

Associação Grupo Boa Nova

  • Como ajudar: Estrada: dos Limas, 08 KM47 – Jd. Embura São Paulo – Capital / Contato: Risonete Marques (11) 93251-2510

Zona Norte

Brasilândia contra o coronavírus

Brasilandia.jpeg

Movimento Conexão Favela: Missão COVID-19

  • O que é a ação: Somos o Movimento Conexão Favela e viemos aqui pedir a sua ajuda para a doação de cestas básicas para 400 famílias na comunidade Jardim Peri, na Zona Norte de São Paulo.  A sua contribuição pode decidir o destino de uma família inteira. Contamos com a sua ajuda para abraçar essa causa com a gente!
  • Como ajudar: Clique aqui para doar!
  • Para acessar o Instagram do Movimento Conexão Favela, clique aqui!

ABC PAULISTA

Cooperativa Central de Catadores e Catadoras de Material Reciclável do Grande ABC – COOPCENT ABC

  • O que é a ação: Campanha da Coopcent ABC que é uma cooperativa de segundo grau formada por grupos organizados de catadores e catadoras que realizam a coleta seletiva de materiais recicláveis no Grande ABC, fundada em 2008. 
  • Como ajudar: Clique aqui para doar!
  • Para mais informações, clique aqui!

Suzano 

CEMOS – Central Pró Moradia Suzanense

Hortolândia

Ocupação do Jd Adelaide

  • O que é a ação: Campanha de doação da ocupação do Jd. Adelaide que existe há quatro anos, na cidade de Hortolândia-SP. Lá vivem 180 famílias, cerca de 600 pessoas, que necessitam de sua ajuda! Quem puder contribuir com doação de alimentos, será muito bem-vindo. A associação montará as cestas básicas e entregará às famílias.
  • Como ajudar: Antiga rua 9. N: 516 próximo ao campo de futebol. Jd Adelaide-Hortolândia. / Contato: Zilda, Liliane, Cleverson: (19) 99126-8537

Jacareí

Apoie a Central de Movimentos Populares

  • O que é a ação: Apoie a Central de Movimentos Populares, regional Jacareí, que atua com a população sem-teto, mulheres, juventude, população negra e crianças e adolescentes.
  • Para doar: Av: Paulo Setúbal, 10 conj. São Benedito, Jacareí, São Paulo. / Contato: Daniele Rebelo (12) 98812-7834 / (12) 99765-4551

Ceará

Central de Movimentos Populares do Ceará

  • O que é a ação: É necessário criar um clima de solidariedade para que as periferias não fiquem ao relento nesse período e possa realizar o isolamento social com dignidade. Nesse sentido, a CMP-Ceará realiza uma campanha de arrecadação de recursos que serão utilizados para compra de cestas básicas, produtos de limpeza e higiene para milhares de pessoas das periferias da cidade de Fortaleza/CE. Doe e compartilhe solidariedade! 
  • Como ajudar: Clique aqui e doe!
  • Contato: Gardênia (85) 98602 4721. / Noélia (85) 8514-0725.

Piauí

Associação dos Moradores da Vila Irmã Durci.

  • O que é a ação: Campanha de doação para comunidade com 15 mil famílias de baixa renda, alto índice de imformalidade e desemprego. Necessitam: cestas Básicas, álcool em gel, máscara, luvas, sabonte, sabão líquido e água sanitária.
  • Como ajudar: Marina, fone (86) 99518-0923 / (11) 94422-9006

Maranhão

União Por Moradia Popular do Maranhão

  • O que é: Campanha da União que atua com famílias sem-teto nos bairros populares de São Luís, São Jose do Ribamar e Passo do Lumiar.
  • Como ajudar: José Raimundo Trindade (98) 99606-6021

Distrito Federal

Movimento Popular por Moradia do Distrito Federal e Região (AMORA)

  • O que é a ação: Ajuda com doação de materiais de higiene, alimentos ou em dinheiro.
  • Como ajudar: Mais informações aqui.
  • Contato: Jaqueline (61) 98604-8468 ou Cristiane (61) 98283-1240

Amazonas

CRAMER – Centro de Referência de Amparo à Mulher

  • O que é a ação: Atua no combate e amparo às vítimas de violência doméstica e na luta por moradia digna.
  • Como ajudar: Rua franco de Sá, n 70, São Francisco de Manaus, AM.
  • Contatos: Silvana Collares (92 ) 99314-3057 Rodrigo Furtado (92) 98400-4389

Acre

Rio Branco

Associação de Moradores Vila do Galo

  • O que é a ação: Necessitam de cestas Básicas, álcool em gel, máscara, luvas, sabonete, sabão líquido e água sanitária.
  • Como ajudar: Rua: Adão Galo, 286 – Bairro Vila Acre – Rio Branco AC
  • Contato: Eronildes (68) 992381771

Associação de Moradores do Bairro Alberti Sampaio

  • Como ajudar: Rua Francisco Luizia, 92 – Bairro Alberto Sampaio – Rio Branco AC.
  • Contato: Eliana Oliveira de Assunção (68) 96062662 / (68) 9909 4256

Associação de Moradores Boa Vista Sobral

  • Como ajudar: Rua Orlei Cameli, 42 – Bairro Boa Vista Sobral – Rio Branco AC.
  • Contato: Arinete da Silva Araújo (68) 99923-9998 / (68) 984152208

Associação de Moradores Cidade Nova

  • Como ajudar: Rua: Poços de Caldas, 887, Ao lado do bar da Ângela. Cidade Nova – Rio Branco AC
  • Contato: Maria Luzia (68) 98403-3056 / (68) 99907-0377

 

Rio Grande do Sul

Porto Alegre

Associação de Triagem de Resíduos Sólidos Domiciliares da Lomba do Pinheiro:

  • O que é a ação: Muitos de nossos amigos, conhecidos e companheiros não estão em condições de isolar-se, esse é o caso de nossas amigas e amigos da Associação de Triagem de Resíduos Sólidos Domiciliares da Lomba do Pinheiro, são 83 trabalhadoras e trabalhadores. Vamos ajudá-los e passar por esse momento difícil da vida nacional juntos, a UTC – Lomba do Pinheiro é a única unidade de reciclagem de Porto Alegre responsável por processar resíduos hospitalares, portanto mais expostos. Como forma de cuidado e proteção para que possamos contribuir sem sair de nossas casas optamos por fazer uma campanha de arrecadação on-line de recursos e eles se responsabilizam pela compra dos alimentos e materiais de limpeza necessários.
  • Como ajudar: Associação da Lomba do Pinheiro / Banrisul / Agência: 0065 / Conta corrente: 06063922-01 / CNPJ: 4.840.876.0001.05 

Grupo de Ajuda Mútua – Morro Santana

  • O que é a ação: Grupo de solidariedade e ajuda mútua criado pelos moradores do Morro Santana com intuito de arrecadar alimentos e demais doações para ajudar família mais necessitadas da região.
  • Quem está organizando: Acesse o grupo de Whatsapp!
  • Como ajudar: Clique aqui e doe agora!
  • Contato: Letícia – 51 9 8574 9879 ;

Solidariedade Imigrantes

  • O que é a ação: Campanha Juntos Para Salvar Vidas!
  • Como ajudar: Banco do Brasil –001_ Conta Corrente Jurídica / Agência: 1889-9 / Conta: 215884-1 / Associação Beneficente São Carlos - Cibai Migrações CNPJ: 90.397.555/0012-64
  • Contatos: Telefones: 51 3226-8800 – 51 9 8450 9153 - cibaimigracoes@gmail.com

Movimento Nacional da População de Rua do RS

  • O que é a ação: O Movimento Nacional da População de Rua do RS está nesse momento de crise angariando fundos e donativos para ações de prevenção e apoio à população de rua. Também estamos juntos aos indígenas e Quilombolas, a partir da Frente Quilombola, na articulação de luta e apoio.
  • Quem está organizando: Movimento Nacional da População de Rua - Rio Grande do Sul
  • Como ajudar: Estão recebendo donativos em dinheiro pela conta: Cx Federal 104. / Ag 0623 – Op. 013 / Conta: 4965-3/ Margarete de Fátima Vieira - CPF 234 334 930 49.
  • Contato pelo e-mail: movimentopopruars@gmail.

Frente Quilombola/RS

  • O que é a ação: Frente à pandemia do COVID-19, as comunidades quilombolas urbanas, aldeias, população em situação de rua e centros de referência afro-indígenas de Porto Alegre/RS solicitam seu apoio! Nesse momento de isolamento social, a maior parte dessas famílias estão impedidas ou limitadas em sua capacidade de renda e sustentabilidade, já que muitos e muitas compõem o setor da economia informal e de pequenos negócios. Entre comunidades quilombolas e indígenas, somos 1.500 famílias, contemplando territórios em toda a cidade de Porto Alegre. Já a população em situação de rua é estimada em 4.000 pessoas! Estamos arrecadando fundos para a aquisição de cestas básicas com alimentos, produtos de limpeza e itens de higiene pessoal. 
  • Quem está organizando: Frente Quilombola RS.
  • Como ajudar: CAixa Econômica Federal - cód.104 / AG: 0431 / Conta poupança: 10548-7 / Operação: 013 CPF: 017.349.950-33 - Vanda Tamires Antunes (Quilombo dos Machado).
  • Ou pela conta bancária: BANRISUL - cód. 041 / AG: 0100 / Conta corrente: 35.306142.0-5 / CPF: 810.316.530-15 - Geneci Flores

Rede de Solidariedade da União de Vilas da Grande Cruzeiro 

 

GrandeCruzeiro.jpeg

Campanha de arrecadação para o Morro Santana em Porto Alegre

Morro Santana (POA).jpg
  • O que é a ação: Com o avanço do covid-19 em Porto Alegre, medidas simples apontadas por médicos e especialistas como fundamentais no combate ao vírus, como lavar as mãos com água e sábado e usar álcool gel se tornam algo muitas vezes impossibilitado para várias parcelas da população. Por conta disso, iniciamos hoje uma campanha para o recolhimento de doações para compra tanto de itens de higiene apontados como fundamentais no cuidado diário para impedir a disseminação do coronavirus (obter álcool gel, sabão líquido, detergente, água sanitária) quanto de alimentos. As colaborações poderão ser feitas através de nossa vaquinha online. 
  • Como ajudar: Clique aqui para doar!

Vila das Laranjeiras/Morro da Santana

COVID POA.jpeg

 

Ação de Solidariedade Urgente para famílias da Colina/Porto Alegre

  • O que é? No vídeo, Tânia fala sobre os efeitos da pandemia da Covid19 que vem agravando os problemas enfrentados nas periferias dos centros urbanos. É o caso da sua comunidade,  a Vila Colina, situada no alto do Morro Santana, no bairro Jardim Carvalho na Zona Leste de Porto Alegre-RS. Afetada por problemas estruturais como a constante falta de água, e com inúmeras famílias sofrendo ameaça de despejo desde 2017, a comunidade agora é ameaçada pelos efeitos da pandemia. O aumento do desemprego entre os trabalhadores e do custo de vida de modo geral, tem colocado muitas famílias a conviver com a ameaça da fome. Diante disso moradores e apoiadores da comunidade promoveram esta ação solidária com a finalidade de possibilitar a compra e distribuição de cestas básicas entre as famílias com maior vulnerabilidade e risco social. Dessa forma, a comunidade busca garantir que as famílias mais afetadas possam ter condições básicas de vida e, assim, garantir sua saúde e dignidade. Colina #NaLutaPorVidaDigna
  • Como ajudar? Apoie a comunidade: Doando em valores através do site: http://vaka.me/1068458
    Ou doando alimentos não-perecíveis no endereço do Ateneu - Rua Lobo da Costa, 147, Azenha (seg, qua, sex e sab. das 15h às 17h
    Se você quer falar sobre outras formas de colaborar nos chame no WhatsApp via contato do Repórter Popular: (51) 989606682 📲

Apoie as Mães da Periferia , Porto Alegre ✊🏿💜

  • O que é? Desde março o Coletivo de mães atendeu cerca de 400 famílias com suporte a materiais de higiene e alimentação básica através de preparo de refeições e distribuição de cestas básicas as famílias cadastradas em sua comunidade, a qual se faz linha de frente no combate ao corona vírus e a precarização da vida.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Fundo de combate à fome no bairro Restinga - COVID 19

  • O que é? Somos um grupo de pessoas, moradores e moradoras, trabalhadores e trabalhadoras do bairro Restinga, localizado na zona sul de Porto Alegre, periferia da cidade, composta por populações em situação de vulnerabilidade social. Conhecemos as pessoas que têm fome. As pessoas que deixaram de trabalhar. Outras tantas que, desde antes, contavam com a solidariedade de familiares e amigos para colocar comida na mesa.
  • Como ajudar? Para doar, clique aqui

Barra do Ribeiro

Aldeia Yvy Poty 

  • O que é ação:A Comunidade da Aldeia Guarani Mbýa está em isolamento por conta do COVID-19, isso impede o deslocamento para venda de artesanatos para a compra de alimentos.
  • Como ajudar: Banco do Brasil / Ag: 440106 / Conta: 9484-6 / CPF: 000308090-02 - Santiago Franco

Santa Maria

Ocupação Vila Resistência 

  • O que é a ação: A Vila Resistência, localizada no Bairro Parque Pinheiro Machado, precisa de apoio pra cuidar das mais de 40 famílias que lá se organizam! Pra quem quiser contribuir com dinheiro, pode fazer o depósito nas nossas contas bancárias. Pedimos para quem for contribuir em dinheiro mande uma msg para a página avisando para conseguirmos ter um controle.
  • Quem está organizando: Ocupação Vila RESISTÊNCIA. 
  • Como ajudar: Banco do Brasil / Agência: 8114-0 / Conta: 3.311-1 / CPF: 02885008067 - Nome: Rhaianny Silva Pinto
  • Ou pela conta: Caixa / Agencia: 4433 / Conta: 00021572-8 / CPF: 60164130039 - Nome: Florência Maria Meneses Brocco
  • Contato: Whats: (55) 9 9193-9188, pra falar com a Florência.
  • Para conhecer mais sobre a organização, suas histórias e lutas, aqui vão links: Clique aqui e aqui!

Outras iniciativas de arrecadação 

4g para Estudar

  • O que é a ação: Campanho do NOSSAS. Pague agora um plano de dados para um estudante de periferia! As salas de aula foram substituídas por computadores e, num país onde 70% das famílias mais pobres não têm acesso à internet, é impossível dizer que todos os alunos têm as mesmas chances. A mobilização dos estudantes conseguiu o adiamento da prova, e agora precisamos garantir que os jovens mais pobres tenham condições de se preparar para quando o Enem chegar.
  • Como ajudar: Pague agora e garanta um plano de dados para um estudante de cursinhos comunitários espalhados pelo Brasil! Para doações internacionais clique aqui.
  • Se você faz parte de um pré-vestibular comunitário em periferias e necessita de pacotes de internet, inscreva-se aqui. Estamos selecionando os cursinhos que serão apoiados nessa próxima fase da campanha.

Apoie a população Trans e Travestis de Campos dos Goytacazes!

TT Apoie.jpeg
  • O que é a ação: Representando o Fórum Estadual de Travestis e Transexuais, Hísis Nogueira e Thárcilo Hentzy estão fazendo uma campanha de arrecadação de cestas básicas que serão destinadas à mulheres trans e travestis que trabalham com prostituição e homens trans autônomos que, nesse período de pandemia não têm podido executar suas atividades em virtude da necessidade de isolamento social. No mês passado conseguimos arrecadar 17 cestas para as 17 pessoas que precisavam, porém, o número de pessoas que precisam subiu para 22. No entanto, arrecadamos até o momento apenas 9 cestas básicas. Você pode nos ajudar doando uma cesta básica que custa 70 reais no Sperbom, ou pode nos ajudar divulgando essa mensagem. Seguem fotos com as cestas do mês passado e uma imagem de campanha para esse mês.  Desde já agradecemos!
  • Como ajudar: (22) 99851-2678 Thárcilo Ipá

Oxfam Brasil

  • O que é a ação: A Oxfam Brasil está ajudando famílias em extrema vulnerabilidade a atravessarem essa pandemia, no Distrito Federal, em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Recife. Certamente são os mais pobres e em situação de maior vulnerabilidade que enfrentam os maiores riscos e sofrerão as piores consequências sanitárias e econômicas. Nós não podemos aceitar essa situação! Por isso, lançamos um Fundo de Emergência COVID-19, para levar ajuda vital a famílias em situação de extrema vulnerabilidade. Vamos distribuir cartões de alimentação para famílias em periferias de 4 cidades brasileiras, para que possam se proteger e se alimentar durante a pandemia. Além do cartão alimentação, a iniciativa também contará com a distribuição de máscaras e material educativo sobre cuidados necessários para prevenir o contágio.
  • Como ajudar: Para apoiar, clique aqui

Benferitoria reunindo diversas ações de apoio às famílias e organizações no combate aos efeitos do Coronavírus

Covid Benfeitoria.jpeg
  • O que é a ação: Há iniciativas de todo o Brasil, com apoios aos trabalhadores de artes, catadores de lixo, famílias de favelas e tantos outros. Apoie a iniciativa!
  • Como ajudar: Para acessar as campanhas disponíveis, clique aqui

Movimentos Populares contra o COVID-19

  • O que é a ação: Este site tem por objetivos divulgar propostas dos movimentos populares para combater o Coronavírus (COVID-19), cobrar o Estado por sua responsabilidade para resolver a crise sanitária, econômica e social, bem como estimular ações de solidariedade entre todas e todos, com a indicação e divulgação de locais e grupos vulneráveis para recebimento de doações.
  • Como ajudar: As várias possibilidades de doação podem ser encontradas aqui!

Habitat para Humanidade - Não espalhe o vírus, # Espalhe Solidariedade

  • O que é a ação: Mas nós da Habitat para a Humanidade Brasil sabemos que para milhares de famílias, que vivem em comunidades e favelas, “ficar em casa” não é tão simples quanto parece. Por isso, lançamos essa campanha para arrecadar doações e levar Comida, itens de higiene e água para 1.000 famílias de 20 comunidades onde atuamos. Diante do contexto do país, em que mais de 13 milhões de pessoas vivem em favelas, parece não ser muito. Mas são muitas organizações fazendo suas campanhas, e com essa corrente de solidariedade, conseguiremos chegar a todos que mais precisam. Doe e ajude uma família a ter acesso à comida, itens de higiene e água sem sair de casa! Com R$ 130, conseguimos ajudar uma família a passar com mais tranquilidade por esse momento. Nossa meta é arrecadar R$ 130.000,00 = R$ 130 por família, em um kit de alimentos, materiais de higiene e água para 1.000 famílias beneficiadas

Comunidades Beneficiadas:

  • Zona rural de Riacho das Almas/PE
  • Alto Santa Teresinha, Córrego da Padaria, 27 de novembro, Aliança com Cristo, Bode, Caranguejo Tabaiares, Ocupação Caxangá, Coque, Santa Luzia e Três Carneiros em Recife/PE
  • Vila Esperança em Candeias/BA
  • Ellery e Genibaú em Fortaleza/CE
  • Heliópolis, Campo Limpo e Paraisópolis em São Paulo/SP
  • Vila Brandão e Soledade em Santos Dumont/MG
  • Jardim Curitiba III e São Domingos em Goiânia/GO
  • Cantagalo no Rio de Janeiro/RJ
  • Parolin em Curitiba/PR

 

ABONG

MTST

  • O que é a ação: Nosso profundo agradecimento a quem colaborou nas etapas anteriores da campanha! Já estamos fazendo as compras de alimentos, cestas básicas, álcool gel e máscaras e iniciamos as visitas nas periferias de cidades dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Alagoas, Pernambuco, Sergipe, Ceará, Roraima, Goiás e Distrito Federal. Já ajudamos mais de 14.500 pessoas! E vamos fazer muito mais!  Com o aumento do número de casos confirmados, avanço da epidemia para mais cidades em todo Brasil e o avanço também para a periferia, mantemos nossa campanha em caráter permanente até o fim da crise para ajudar continuamente famílias das periferias de todo Brasil, pessoas em situação de rua e quem mais precisar. Vamos juntos? Para ampliar esse processo na periferia estamos organizando também grupos de ajuda mútua, que vão receber denúncias, pedidos de solidariedade e divulgar informações corretas a respeito da epidemia.
  • Como ajudar: Entramos na 4ª etapa da nossa campanha de solidariedade aos sem teto afetados pela crise do coronavirus. Clique aqui para ajudar!
  • Para ajudar com depósito ou transferência: Banco: Itaú / Agência: 8170 / Conta: 30682-6 / Associação Amigos da Luta dos Sem Teto / CNPJ: 28.799.171/0001-41

Bibliotecas Comunitárias

Bibliotecas Comunitárias.png
  • O que é a ação: Nossas bibliotecas estão localizadas em sua maioria nas periferias das metrópoles, regiões ainda mais vulneráveis aos efeitos da pandemia. Onde já falta atendimento às necessidades básicas, não faltará solidariedade. Nos juntamos as ações de apoio às comunidades, lançando uma campanha de arrecadação de recursos para distribuição aos moradores dos territórios atendidos pelas bibliotecas. Todo o recurso arrecadado será usado para compra de alimentos, material de higiene, gás e repasse direto, sendo distribuído de acordo com as necessidades de cada comunidade.
  • Como ajudar: Há duas formas de participar: depositando na conta corrente de uma das instituições participantes da rede ou doando cestas básicas e itens de higiene diretamente às redes de bibliotecas espalhadas pelo país. Cestas Básicas e itens de higiene: confira a rede/biblioteca mais próxima aqui no site e faça contato.
  • Doações em dinheiro:

ACESA – Associação Cultural Esportiva
Social Amigos
CNPJ: 14.810.743/0001-31
Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 0049
Conta corrente 14453 Dígito 5
Entre contas CEF: 003 conta 14453-5

Trabalhadores, População em situação de rua e outras iniciativas

Apoie um catador

Grupo de Trabalho de Resíduos Sólidos da Rede Favela Sustentável no Rio de Janeiro está realizando uma campanha unificadora de apoio a movimentos em prol das catadoras e catadores abaixo listados, na cidade, além de estimular a nossa sociedade a tomar consciência sobre o seu próprio lixo neste momento em que tantos estão em casa com a oportunidade para ter um maior contato com ele.

#ApoieUmCatador

Comunicadores comunitários 

  • O que é a ação: 📣 A BemTV precisa de você para apoiar os jovens comunicadores no combate ao COVID-19. Sua doação ajuda a repassarmos uma bolsa para cada jovem comunicador de favela que estão trabalhando no combate às fake news e dando orientações quanto ao serviços básicos de assistência e saúde. Os moradores das comunidades sofrem com a falta de acesso à saúde e ao saneamento básico há muito tempo, isso não é novidade. A pandemia agrava a situação e, sem recursos e informações adequadas, as pessoas correm um risco ainda maior. Sua doação ainda é automaticamente TRIPLICADA pelo Fundo Enfrente: A cada R$1 colaborado, mais R$2 são investidos pelo fundo na campanha. 💸💸
  • Como ajudar: Acesse aqui!

Corona no Paredão

  • O que é a ação: A COVID-19 chegou nas favelas e está subindo o morro. Temos que agir rápido! A Gerando Falcões está trabalhando como ponte, através de uma rede com as ONGs conveniadas, enviando cestas básicas digitais para eles distribuírem as famílias mais vulneráveis. Para diminuir o risco de contágio e conseguir escalar essa iniciativa mais rapidamente, vamos levar cartões que possam ser usados como alimentação e refeição para as pessoas montarem as suas cestas de necessidades básicas. Assim elas terão como manter o isolamento social, achatar a curva de disseminação do vírus e garantir a alimentação e higiene de suas famílias nos próximos 3 meses.
  • Como ajudar:

Para doar,clique aqui!

Mães de Favela (RJ)

Mães da Favela.jpg

Lapa - População em Situação de rua (RJ)

Campanha de arrecadação de produtos para as pessoas em situação de rua no Centro do Rio de Janeiro

 #Ação342: Apoio para Coletivos de Favelas do Rio de Janeiro

90790489 4335920056433911 986928491859542016 o.jpg

Ajude a CUFA a ampliar seu combate ao Coronavírus

  • O que é a ação: Vaquinha on-line da CUFA para arrecadar fundos para as favelas nesse momento.
  • Como ajudar: Se liga, clique aqui e contribua

Instituto Marielle Franco realiza vaquinha on-line!

InstitutoMarielle.jpeg
  • O que é a ação: Campanha unificada de arrecadação de dinheiro para alguns coletivos de favelas, liderada pelo Instituto Marielle Franco. A ideia é arrecadar R$50 mil até sexta-feira, dia 27 de março, e repassar para seis coletivos de favelas, que irão comprar água, kits de limpeza e higiene, cestas básicas, além de investir pesado na comunicação sobre o vírus.
  • Como ajudar: Covid19NasFavelas: realize sua doação!

Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência

  • O que é a ação: Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência, movimento social que, desde 2006, luta contra a violência de Estado no Brasil. ✊🏾 O principal objetivo é arrecadar recursos para comprar cestas básicas e kits higiene para mães e familiares de vítimas de violência policial, de pessoas privadas de liberdade e moradores de favelas. Trata-se, em geral, de famílias chefiadas por mulheres negras, que em muitos casos estão desempregadas, vivem de bicos ou são autônomas e estão impossibilitadas de trabalhar por conta da pandemia do #coronavírus. Cada cesta básica custa R$ 110,22 e cada kit higiene R$ 45,00. Assim, a cada R$ 155,22 doados poderemos colaborar com uma família. 
  • Como ajudar: Link da vaquinha on line: http://bit.ly/doandoesperanca
  • As doações também podem ser feitas diretamente na conta da Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência. Dados bancários: Banco Itáu | Agência: 0580 | Conta Poupança: 03622-6 | Nome: Ana Lucia Oliveira | CPF: 550.460.617-91
Rede de Comunidades - COVID.jpg

Ambulantes (arrecadação nacional)

  • O que é a ação: Ação emergencial em defesa da subsistência de camelôs, ambulantes e feirantes do Brasil diante da crise do COVID-19: A União Nacional de Trabalhadoras/es Camelôs, Ambulantes e Feirantes do Brasil – UNICAB se articula pedindo solidariedade aos trabalhadores informais, que não tem direitos trabalhistas assegurados e precisam de apoio para subsistência nesse momento. Além de cobrar responsabilidade do poder público, com implementação de uma renda básica de emergência aos trabalhadores/as do comércio informal, a isenção de contas de energia elétrica e de água (proibição do corte) e vale gás, que proíba despejos, anistia de aluguéis camelódromos e shoppings populares e distribua cestas básicas, a entidade cria um fundo emergencial por meio de vaquinha online. 
  • Como ajudar: Acesse a vaquinha online e contribua
COVID Ambulantes SP.jpeg

Vaquinha online: trabalhadores de cooperativas de reciclagem (RJ)

  • O que é a ação: Se liga na vaquinha online organizada para ajudar os trabalhadores de cooperativas de reciclagem no RJ.
  • Como ajudar: clique aqui para ajudar.

Mapeamento Coletivo para o enfrentamento ao Corona - BR

  • O que é a ação: Ação feita de forma colaborativa para juntar iniciativas de solidariedade sobre o COVID 19.
  • Como ajudar: Acesse clicando aqui.

Vaquina online para apoio no sistema carcerário

Covid Carcere1.jpeg

 

Moradores de Favelas (arrecadação nacional)

  • O que é a ação: Os moradores das favelas e periferias são as vítimas mais impactadas pela crise da pandemia do coronavírus. A Agência de Notícias das Favelas (ANF) está com uma campanha de doações para os milhões de brasileiros e refugiados que, antes mesmo do coronavírus chegar, já sofriam com o descaso dos governantes, com a falta de saneamento básico, água potável e de moradia adequada. Milhões estão desempregados. Viviam na informalidade até ser imposto o isolamento social. Agora, não podem ir às ruas para ganhar dinheiro para alimentarem suas famílias, comprar remédios, produtos de higiene e limpeza, e nem pagar passagem para ir ao hospital.Abrimos uma conta corrente dedicada exclusivamente a doações que serão repassadas a moradores de #favelas. Se você não tem condições de fazer uma doação em dinheiro, ajude a espalhar essa mensagem para o máximo de pessoas possível. Nossa ideia é doar R$ 100 para cada família cadastrada no site anf.org.br. Vamos analisar cada caso num processo de total transparência.
  • Como ajudar: Banco Itaú / Ag: 0715 / C/C 12445-9 / Agência de Notícias das Favelas / CNPJ: 08.157.020/0001-82


Camanha arrecadação anf junho.jpeg

 

Mutirão para Doação de Cestas Básicas e Kits de Higiene - CMP - Central de Movimentos Populares

  • O que é a ação: Diante da pandemia do coronavírus, a Central de Movimentos Populares do Rio de Janeiro, organização do movimento popular fundada em 1993, realiza esta campanha para fortalecer e dar continuidade a doação de cestas básicas e kits de higiene para os que, nesse momento, necessitam da sua ajuda! Entendemos que para enfrentar de forma efetiva esta situação trágica é fundamental a criação e o fortalecimento de políticas públicas permanentes que atendam as necessidades da população. E também de medidas urgentes, emergenciais. Estamos juntos a todos que se indignam e pressionam para isso, e EXIGIMOS já o pagamento pela renda básica emergencial. Porém, como dizia Betinho: "quem tem fome, tem pressa". Acreditamos que o fundamental agora é fazer e garantir o mínimo para essas famílias.  Por isso, toda e qualquer contribuição é bem vinda!
  • Como ajudar: Clique aqui para ajudar

Mutirão Solidário - CEDAC

O Mutirão Solidária é uma proposta desenvolvida pelo  Cedac – Centro de Ação Comunitária, instituição com 40 anos de atuação no Rio de Janeiro. 

Com as doações, o Cedac vai comprar alimentos e produtos de higiene e limpeza para a população em situação de rua e para comunidades carentes. Mas não para por aí. Esses produtos vão ser adquiridos prioritariamente de quem produz. Dessa forma, ajuda-se o máximo de pessoas possível.

Ag 0814

C/C 75027-1

CEDAC

CNPJ 30.479.869.0001-21

Cesta Camponesa - Movimento de Pequenos Agricultores - MPA

  • O que é a ação: A Cesta Camponesa é uma iniciativa do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), em parceria com camponeses, trabalhadores urbanos, estudantes universitários, em um trabalho coletivo que possibilita que consumamos alimentos vindos diretamente das famílias camponesas sem atravessadores. Entregamos todas as quartas-feira e sábados, nas residências. Você receberá sempre que fizer sua compra. A entrega é feita pela Santaxi, assim, além do valor dos produtos existe uma taxa que varia entre R$ 10,00 e R$15,00, essa taxa deve ser acrescentada à compra. A taxa varia, pois se conseguimos agrupar as cestas, em grupos de 3 ou 5 conseguimos negociar um valor menor de frete. Você também pode organizar a compra no seu prédio, com seus vizinhos e reduzir esse valor.Na Cesta você encontra todos os produtos para fazer suas compras do mês: carnes, ovos, laticínios, legumes, arroz, feijões, farinhas, pães, cafés, chás, temperos, produtos de limpeza, produtos de higiene, compotas, bolos, entre outros.
  • Caso você ainda não possua cadastro, envie email para o núcleo do bairro que deseja ser incluído com seu nome, telefone e endereço completo, inclusive com o bairro (http://www.cestacamponesa.com.br/solicita_cadastro.php). Ao enviar o email, compreendemos que você concorda com a forma que esse trabalho é desenvolvido. Sua participação fortalece a Aliança Camponesa e Operária por Soberania Alimentar.
  • Como ajudar: Para acessar o site do MPA, clique aqui

Outros mapeamentos de apoio às favelas

  • A equipe do Dicionário de Favelas reune num verbete a parte outras iniciativas de apoio que são coletadas e agrupadas a partir de mapas de algumas cidades, como Salvador, Rio de Belo Horizonte. Confira clicando aqui.