Barracoteca Hans Christian Andersen (Complexo do Alemão)

De Dicionario de Favelas Marielle Franco
Ir para: navegação, pesquisa

Autor: Caíque Azael  

Reprodução: Facebook

 

Ler é 10.jpg

A Barracoteca Hans Christian Andersen é uma iniciativa de biblioteca comunitária promovida no Complexo do Alemão pelo escritor Otávio Júnior. A Biblioteca está instalada num sobradinho de dois andares, onde existia um salão de forró. Ela é fruto da iniciativa de Biblioteca Móvel que Otávio impulsionava no Complexo do Alemão e da Penha desde 2005.   

A iniciativa foi lançada em 2011, no Morro do Caracol.  O nome é uma homenagem ao escritor dinamarquês autor de contos como "A Pequena Sereia" e "A Roupa Nova do Rei". Parte dos livros é doação do Ministério da Cultura, o resto foi amealhado por Otávio durante os dez anos em que andou por todo o Complexo da Penha e do Alemão, com uma mala na mão, oferecendo livros emprestados aos moradores. O investimento foi de R$ 7.000. Como não tinha nem a décima parte desse valor, a solução foi apelar a conhecidos e desconhecidos. Filho de pedreiro, chamou o pai para reformar o local. Otávio tem um percurso de vida singular * e é autor do blogue Ler é 10.   

Ver também:

Referências Bibliográficas

  1. Bibliotecas em Rede | A Biblioteca Hans Christian Andersen
  2. UbaWeb | A Barracoteca do Otávio
  3. Ultimo Segundo - IG | Livreiro do Alemão: “Quando o tiroteio começava eu só escrevia”