Favelas em Movimento (lives)

De Dicionario de Favelas Marielle Franco
Revisão de 01h05min de 17 de setembro de 2021 por Gabriel (discussão | contribs)
(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para navegação Ir para pesquisar

Autoria: Dicionário de Favelas Marielle Franco.

Sobre

"Favelas em Movimento" é a nova série de lives do Dicionário de Favelas Marielle Franco .Toda última terça-feira do mês, às 18h, no canal da VídeoSaúde (Distribuidora da Fiocruz), moradores(as) e representantes de favelas e periferias se encontram para um bate-papo sobre questões sociais, políticas, culturais e econômicas fundamentais para pensarmos a vida destas pessoas em um cenário pandêmico, mas também o futuro.

 

O direito à educação em favelas e periferias

Primeiro episódio da série de lives "Favelas em Movimento": "O direito à educação em favelas e periferias: efeitos da pandemia e perspectivas de futuro".

Convidados: Evani Lindalva Dutra Porte Mãe e moradora do Complexo de Acari, Rio de Janeiro Carlos Eduardo Baldez Professor de história da Seeduc-RJ em São João de Meriti e no município de Piraí Andreia Cesar dos Santos Professora de sociologia da Seeduc-RJ em Nilopólis e cientista social Mediadores: Alexandre Magalhães - Professor do Departamento e do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFRGS e pesquisador do Dicionário de Favelas Marielle Franco Clara Policarpo - Professora de Sociologia da Seeduc-RJ no município do RJ e pesquisadora do Dicionário de Favelas Marielle Franco.

Diversidade nas formas de viver o sagrado

Segundo episódio da série de lives: "Favelas em Movimento": Diversidade nas formas de viver o sagrado: como ampliar a tolerância religiosa?

Convidadas: Maria da Fé da Silva Viana Teóloga de formação, Coordenando a Pastoral de Combate ao Racismo da Igreja Metodista na 1ª Região (RJ) e vice-presidente do COMIRA (Conselho Municipal pela Igualdade Racial) e Membro da Igreja Metodista em Fonte Carioca. Sandra Regina Faniano do Rosario Vieira Coordenadora do grupo mulheres que cantam e rezam e da Cwê Arrinhó kpossú jeje mahin Mediadores: Alexandre Magalhães: professor da UFGRS e pesquisador do Dicionário de Favelas Marielle Franco Vânia Dutra: Doutora em Serviço Social e pesquisadora do Dicionário de Favelas Marielle Franco.

Auxílio emergencial ou renda básica: benefício temporário ou direito de cidadania

Terceiro episódio da série de lives: "Favelas em Movimento": Auxílio emergencial ou renda básica: benefício temporário ou direito de cidadania

Participantes: Joyce Gravano - Comitê Popular de Crise de São Gonçalo Lucas Veloso - Agência Mural de Jornalismo Adalton Pereira: CEACC/Cidade de Deus e membro do Conselho do Dicionário de Favelas Marielle Franco Alexandre Magalhães - pesquisador Dicionário de Favelas Marielle Franco

 

 

“A pandemia está nos deixando loucos!” - violência doméstica, desemprego, fome... Como atender?

Quarto episódio da série de lives: "Favelas em Movimento": “A pandemia está nos deixando loucos!” - violência doméstica, desemprego, fome... Como atender?

O objetivo é discutir os impactos da pandemia na saúde mental de moradores de favelas e periferias no Brasil.

Convidados: Ingrid Monteiro Siss Braga - Casa Dona Amélia/ Frente CDD Verônica de Almeida Baptista Gouveia - Coletivo SOS/CDD Frente CDD Rui Teixeira Lima Jr - Laps/ENPS-Fiocruz

Mediadores: Alexandre Magalhães - Dicionário de Favelas Marielle Franco Maria de Lourdes - CEACC Cidade de Deus

Direito à cidade: a favela circulando

Quinto episódio da série de lives: "Favelas em Movimento": Favela em Movimento - Direito à cidade: a favela circulando

O tema debatido é Mobilidade Urbana​, com os(as) convidados(as): Carolina Lemos, Moradora da Zona Oeste e Mestranda em Planejamento Urbano e Regional IPPUR/UFRJ; Thainã Medeiros, Museólogo e jornalista reside no Complexo do Alemão onde atua como co-diretor do Coletivo Papo Reto; Tainá de Paula, Vereadora pelo Partido dos Trabalhadores na Cidade do Rio de Janeiro.

Mediador é o Alan Brum Pinheiro, Favelado, doutorando em planejamento urbano IPPUR/UFRJ, Coordenador do CEPEDOCA e Diretor do Instituto Raízes em Movimento.

Habitação e infraestruturas locais: urbanização versus remoção

Sexto episódio da série de lives: "Favelas em Movimento": Favela em Movimento - Habitação e infraestruturas locais: urbanização versus remoção

O tema debatido é habitação​ e infraestruturas locais, com os(as) convidados(as): Camila Moradia, líder da luta por moradia no Complexo do Alemão, fundadora e coordenadora do MEAA - Mulheres em Ação no Alemão; Guilherme Pimentel, Advogado com atuação na área de direitos humanos, atual Ouvidor-Geral da Defensoria Pública do RJ e Coordenador de Política Criminal do Conselho Nacional de Ouvidorias das Defensorias do Brasil; Simone Rodrigues, Advogada, membro dos coletivos Conselho Popular, Rocinha Sem Fronteiras e União por Moradia Popular.

Mediador é o Orlando Santos Junior, sociólogo, doutor em planejamento urbano e regional, diretor do IPPUR/UFRJ, pesquisador do Observatório das Metrópoles e membro do Conselho Editorial do Dicionário de Favelas Marielle Franco.

 

Elemento Suspeito: Aqui, ali e acolá - A violência policial nas favelas

Sétimo episódio da live da série "Favelas em Movimento" com o tema Violência policial nas favelas, título "Elemento Suspeito: Aqui, ali e acolá - A violência policial nas favelas".

A live foi realizada em parceria com a Rede de Observatório da Segurança, com os(as) convidados(as): Lídia Lins, Graduanda em Direito pela Universidade Católica de Pernambuco, Articuladora social e Ativista pelos Direitos Humanos. Coordenadora do EmpoderaLab; Robson Dy Corrêa, Cieneasta, coordenador: Inraça DHC; Instituto Raça de Direitos Humanos e Cidadania; Thiago (LabJaca), Graduando em Direito na UERJ, fundador do LabJaca, coordenador adjunto do IBCCRIM-RJ e gestor do Jacaré Basquete. Mediador foi Itamar Silva, Ativista Social, Militante do Movimento de Favelas do Rio de Janeiro. Conselheiro do Dicionário de Favelas Marielle Franco (WikiFAVELAS) e do Observatório da Segurança – Rio de Janeiro (Cesec). Presidente do Grupo Eco – Favela Santa Marta.

Parem de nos matar! Violência estatal e racismo nas favelas e periferias

Oitavo episódio da série "Favelas em Movimento" com o tema sobre violência nas favelas.

Convidamos para a edição da live Maria Dalva da Silva, fundadora do movimento Posso me identificar?, surgido a partir da chacina de 4 jovens do Borel pela PM e integrante da Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência; Fransergio Goulart, historiador e Coordenador Executivo da Iniciativa Direito à Memória e Justiça Racial-Baixada Fluminense-RJ; Daniel Hirata, professor de Sociologia da UFF, membro do Geni/Grupo de Estudos dos Novos Ilegalismos e do Comitê Cidadania, Violência e Gestão Estatal da ABA. A mediação será feita por Marcia Leite que é docente da UERJ e membra do Conselho do Dicionário de Favelas Marielle Franco (ICICT/Fiocruz).

Direito à memória nas favelas em tempos pandêmicos

Nono episódio da série "Favelas em Movimento".

Nesta live, temos como mediadora Cláudia Rose Ribeiro da Silva, nascida e criada no Complexo da Maré, professora de História da rede pública do município do Rio, atual coordenadora do Museu da Maré e integrante do Conselho do Dicionário de Favelas Marielle Franco. Como convidados(as), teremos Antônio Carlos Pinto Vieira, também nascido e criado no Complexo da Maré, co-fundador do Centro de Estudos e Ações Solidárias da Maré (CEASM) e do Museu da Maré e pesquisador sobre os subúrbios e as favelas cariocas; e Elizabeth Campos, nascida no Jacarezinho e moradora de Manguinhos, na comunidade CHP2, educadora social e coordenadora do projeto Espaço Casa Viva Redeccap, em Manguinhos.

Cultura e Política nas favelas e periferias

Décimo e último episódio da série de lives Favelas em Movimento.

Andrea Bak: Poeta, cantora e estudante de química. É dos grupos Rap Neftaris Vandal e do coletivo Slam das Minas RJ. Tiaraju Pablo D’Andrea: Músico. Professor da Unifesp, Campus Zona Leste. Coordenador do Centro de Estudos Periféricos. Autor do livro “40 ideias de periferia: história, conjuntura e pós-pandemia” (Dandara Editora). A mediação será feita pela Professora Sonia Fleury, que é Coordenadora do Dicionário de Favelas Marielle Franco.