MNU - Fala na Audiência Pública da ADPF 635

De Dicionario de Favelas Marielle Franco
Ir para navegação Ir para pesquisar

Verbete criado pela equipe do Dicionário de Favelas Marielle Franco  

Veja também: Segurança Pública e Direitos Humanos - ADPF das Favelas (ADPF 635)

 

Sobre

A Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) nº 635 foi ajuizada pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) com a pretensão de que fossem reconhecidas e sanadas graves lesões a preceitos fundamentais constitucionais, decorrentes da política de segurança pública do Estado do Rio de Janeiro marcada pela "excessiva e crescente letalidade da atuação policial". A audiência ocorreu nos dia 16 e 19 de abril de 2021, convocada pelo Ministro Edson Fachin no âmbito da ADPF 635, conhecida como ADPF das Favelas.

Falas de membros do Movimento Negro Unificado

Marcelo Dias

“Porque nós precisamos, Senhor Ministro, deter a mão opressora, a mão racista, a mão genocida do governo do estado do Rio de Janeiro ” Trecho da fala de Marcelo Dias, do Movimento Negro Unificado, durante a audiência do STF sobre a redução da letalidade policial no Rio de Janeiro. A audiência foi convocada no âmbito da ADPF 635, também conhecida como ADPF das Favelas.

Djefferson Amadeus

“Em nossos nomes, disseram-se Carolina Maria de Jesus e Luiz Gama, em nossos nomes nos nomes de todas as mães e pais que tiveram as suas filhas e filhos assassinados pelo Estado, faço um minuto de silêncio, a fim de que os ministros e ministras do Supremo Tribunal Federal, em especial o Ministro Edson Fachin, percebam a importância de fazer um plano de redução da letalidade policial em conjunto com a sociedade civil, conforme pleiteado nesta ADPF”. Trecho da fala de Djefferson Amadeus, do Movimento Negro Unificado, na audiência do STF sobre a redução da letalidade policial no Rio de Janeiro.