Dicionário de Favelas Marielle Franco

Por equipe do Dicionário de Favelas Marielle Franco
Revisão de 17h31min de 28 de agosto de 2023 por Patrícia Ferreira (discussão | contribs)
Marca do Dicionário de Favelas Marielle Franco

Descubra, produza e compartilhe histórias e memórias das favelas e periferias

Nós somos uma plataforma virtual de acesso aberto para a coleção e produção de conhecimentos sobre favelas e periferias. Buscamos estimular a coleta e construção coletiva do conhecimento existente sobre as favelas e periferias de todo o Brasil, por meio da articulação de uma rede de parceiros, tanto nas academias quanto nas instituições produtoras de conhecimentos existentes nos próprios territórios. Faça parte você também!

Verbete em destaque

Agentes da Unidade de Polícia Pacificadora atuando no Complexo do Alemão (RJ)
Agentes da Unidade de Polícia Pacificadora atuando no Complexo do Alemão (RJ)

Polícia de proximidade, também conhecida como policiamento comunitário, é uma estratégia que aposta numa relação entre as populações e as forças de segurança, com o objetivo de atuar diretamente na segurança pública e na redução, portanto, da criminalidade. Este modelo é inspirado em países do Norte, como Canadá e Estados Unidos, e está sendo experimentado, pelo menos, desde a década de 1980 no Brasil. Neste verbete, Palloma Menezes traz uma discussão sobre este tema a partir da experiência das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), implementadas, a partir de 2008, nas favelas do estado do Rio de Janeiro.

Autoria: Palloma Menezes



ESPECIAL: Chacinas Policiais

Foto de policiais carregando um corpo na favela
Chacinas em favelas no Rio de Janeiro

O presente verbete procura sistematizar o histórico de violências perpetradas pelas chamadas "operações policiais" protagonizadas pelas forças de segurança nas favelas e periferias do Rio de Janeiro em que são relatadas execuções sumárias. A ideia de sistematizar os acontecimentos é de preservar a memória de momentos de severa violação dos direitos da população negra e moradora de favelas e periferias, como forma de reivindicar uma mudança nas políticas de segurança pública e denunciar sua intrínseca relação com diferentes ilegalismos. O trabalho é fruto de uma parceria entre o Dicionário de Favelas Marielle Franco com os grupos GENI/UFF, Grupo CASA (IESP-UERJ) e Radar Saúde-Favela (Fiocruz).



Como participar

Fotografia de uma pipa com a mão de uma criança
Você pode colaborar com o crescimento do Dicionário

Atualmente temos 1 450 colaborador@s cadastrad@s. Deseja colaborar escrevendo novos verbetes ou contribuindo para os verbetes? Você pode colaborar:

  • Criando um verbete
  • Editando um verbete
  • Discutindo um verbete
  • Divulgando nas redes sociais!

Guia rápido

""
Como criar conteúdo?

Primeiro busque nos verbetes já criados! Você pode escrever sobre qualquer assunto, até sobre aqueles já existentes.

Quando você pesquisar um assunto e não existir uma página sobre ele, aparecerá a opção criar uma página para o novo verbete. Você precisa estar autenticado no site para criar conteúdos.

Regras Editoriais

Todas as pessoas que desejarem colaborar com o projeto poderão atuar na produção de conteúdo, sendo que cada participante deverá se identificar com uma conta de usuário no Wikifavelas. Além disso, as atividades do Dicionário são regidas por um conjunto de regras editoriais

Pilares editoriais

Os pilares editoriais são princípios fundamentais sobre os quais os Dicionário é construído. Esses pilares servem tanto para orientar as atividades de colaboração, como para resolver eventuais conflitos que surjam durante o projeto.

  • Escopo do Dicionário
  • Pluralidade
  • Conteúdo livre
  • Normas de conduta

Eixos de Análise


Galeria de fotos

Favelas em Foco

Com a inspiração de contar histórias através de imagens e diferentes olhares, este espaço está reservado para a divulgação de fotos das favelas do Rio de Janeiro e do Brasil.

Participe!

Contribua com o registro fotográfico das favelas.


Outras Palavras

Sergio Arouca discursando
O legado de Sérgio Arouca para a democracia

Dicionário Marielle Franco apresenta o discurso do renomado sanitarista na Conferência de Saúde de 1986, base para a criação do SUS. “No coletivo que nós vamos construir nosso projeto”. Rememorá-lo é essencial para novas propostas de justiça social.

Boletim digital

Inscreva-se!

Cadastre-se para receber o nosso boletim quinzenal e fique por dentro das novidades.

[Inscreva-se!]

Redes Sociais

Siga-nos

Wikifavelas no InstagramWikifavelas no FacebookWikifavelas no YouTube

Existem 2 325 verbetes e 6 694 páginas e 3 683 arquivos. Atualizado em domingo, 26 de maio de 2024, 18:33 (Horário de Brasília).